A usina hidrelétrica de Yacyretá: insustentabilidade e exclusão social no Rio Paraná (Corrientes, Argentina) / Yacyretá dam: unsustainability and social exclusion in the Paraná River (Corrientes, Argentina)
PDF

Como Citar

ULLOA, V.; BELLINI, L. M. A usina hidrelétrica de Yacyretá: insustentabilidade e exclusão social no Rio Paraná (Corrientes, Argentina) / Yacyretá dam: unsustainability and social exclusion in the Paraná River (Corrientes, Argentina). Sociedade & Natureza, v. 21, n. 3, 23 mar. 2010.

Resumo

A promoção de megaobras é comumente baseada em idéias de desenvolvimento e de progresso. Contudo, o informe apresentado pela Comissão Mundial de Represas em novembro de 2000, responsabilizou às grandes barragens, os projetos de desenvolvimento regional sustentável por excelência, como geradoras de uma série de danos sociais e ambientais. Destarte, o objetivo do presente trabalho foi o estudo das transformações sociais ocorridas nas comunidades de ilhéus e ribeirinhos de Ituzaingó a partir das mudanças na paisagem ecológica decorrentes da construção da Usina Hidrelétrica de Yacyretá (Corrientes, Argentina). Desse modo, foram analisadas as características gerais da barragem e as principais contradições ambientais e sociais percebidas na cidade e na comunidade de pescadores-lavradores. Os resultados mostraram, por um lado, que para os ex-ilhéus e ex-ribeirinhos não há medida de mitigação capaz de compensar a perda do seu anterior modo de vida, por outro, uma clara falta de seriedade nas políticas socioambientais de Yacyretá. E ainda, um escasso ou nulo desenvolvimento de Ituzaingó e região após a construção da barragem. Palavras-chave: insustentabilidade, Ituzaingó, rio Paraná, barragem de Yacyretá.
PDF

Direitos Autorais para artigos publicados nesta revista são do autor, com direitos de primeira publicação para a revista. Em virtude de aparecerem em revista de acesso público, os artigos são de uso gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.