Expansão urbana e dinâmica imobiliária: comparando as estratégias fundiárias dos agentes imobiliários em cidades médias
PDF-pt
PDF-en (English)

Palavras-chave

Produção do espaço urbano
Mercado imobiliário
Cidades médias
Ribeirão Preto
São Carlos

Como Citar

BARCELLA, B. L. S.; MELAZZO, E. S. Expansão urbana e dinâmica imobiliária: comparando as estratégias fundiárias dos agentes imobiliários em cidades médias. Sociedade & Natureza, v. 32, p. 108-125, 21 fev. 2020.

Resumo

O artigo analisa as recentes expansões territoriais urbanas de duas cidades médias (Ribeirão Preto/SP e São Carlos/SP), argumentando sobre a estreita relação entre interesses e estratégias de determinados agentes fundiários e imobiliários e a seletiva direção, ritmo, escopo e porte das citadas expansões do tecido urbano. Para tanto, os dados de transações fundiárias (compra e venda) entre os anos de 1995 e 2015, seus preços e informações a respeito da produção de espaços residenciais fechados e seus principais agentes são analisados. Adota-se, como pano de fundo para o debate, o desvendamento da busca permanente pela reprodução ampliada do capital mediante a lógica que situa a cidade como “lócus” das estratégias de acumulação que articulam no plano econômico a transformação de rendas da terra em lucros de incorporação e no plano espacial a seletividade e diferenciação do espaços da moradia.

https://doi.org/10.14393/SN-v32-2020-42908
PDF-pt
PDF-en (English)

Referências

ABRAMO, P. A dinâmica imobiliária. Elementos para o entendimento da espacialidadeurbana. Cadernos IPPUR, Rio de Janeiro, Ano III, Nº especial, 1989.

ABREU, M. A. de. Diferenciando o espaço e produzindo cidades: lógicas e agentes da produção do espaço urbano em Ribeirão Preto/SP e Londrina/PR. 2014. 171f. Dissertação (Mestrado em Geografia), Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquista Filho”. Presidente Prudente, 2014.

ABREU, M. A. de; AMORIM, W. V. O estudo do mercado imobiliário em cidades médias: procedimentos para coleta e sistematização dos dados. GeoUERJ, Rio de Janeiro, v. 21, p. 297-323, 2014. http://dx.doi.org/10.12957/geouerj.2014.10403

ABREU, M. A. de. Produção imobiliária e os espaços da financeirização: entre o abstrato da riqueza financeira e o concreto da cidade produzida. 232 f. Tese (Doutorado em Geografia) - Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquista Filho”. Presidente Prudente, 2019.

BARCELLA, B. L. S. O mercado fundiário em Ribeirão Preto/SP: processos e agentes, preços e localizações. Caminhos de Geografia, v. 18, n. 62, p.161-173, 21 jun. 2017. EDUFU - Editora da Universidade Federal de Uberlandia, 2017. http://dx.doi.org/10.14393/rcg186213

BARCELLA, B. L. S. A dinâmica dos agentes imobiliários e suas estratégias fundiárias em cidades médias: da reprodução do capital à reprodução das desigualdades socioespaciais. 2018. 217 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Tecnologia, FCT/UNESP Câmpus de Presidente Prudente, 2018.

BIZZIO, M. R. Condomínios residenciais fechados: a urbanização do Grupo Encalso Damha em São Carlos – SP. 151 f. Dissertação (Mestardo) – Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquista Filho”. Araraquara, 2015.

DAL POZZO, C. F. Territórios de autossegregação e de segregação imposta: fragmentação socioespacial em Marília e São Carlos. Presidente Prudente, 2011. 316 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquista Filho”. Presidente Prudente, 2011.

FIGUEIRA, T. M. B. Produção social da cidade contemporânea. Análise dos Condomínios Urbanísticos e Loteamentos Fechados de Alto Padrão do Subsetor Sul de Ribeirão Preto / SP. 2013,198 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) – Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos, 2013.

FIX, M. São Paulo cidade global. Fundamentos financeiros de uma miragem. São Paulo: Boitempo, 2007.

LOGAN, J. R.; MOLOTCH, H. L. Urban fortunes. The political economy of place. Los Angeles: University of California Press, 1987.

MARQUES, E. De volta aos capitais para melhor entender as políticas urbanas. Revista Novos Estudos. CEBRAP. São Paulo. v. 35.02, p. 15-33, 2016. http://dx.doi.org/10.25091/s0101-3300201600020002

MELAZZO, E. S. Mercado imobiliário, expansão territorial e transformações intraurbanas: o caso de Presidente Prudente - SP. 1993. Dissertação de Mestrado. (Mestrado em Planejamento Urbano e Regional). Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (IPPUR), Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1993.

MELAZZO, E. S. Interações, combinações e sinergias: produção do espaço urbano, dinâmicas imobiliárias e o programa minha casa minha vida em cidades médias brasileiras. In: BELLET, C.; MELAZZO, E. S.; SPOSITO, M. E. B.; LLOP, J. M. (org.) Urbanização, produção e consumo em cidades médias/intermediárias. Universidade Estadual Paulista - Presidente Prudente, Edicions de la Universitat de Lleida, Presidente Prudente y Lleida, 2015.

SMOLKA, M. O capital incorporador e seus movimentos de valorização. Cadernos IPPUR/UFRJ, Rio de Janeiro, p. 41-78, ano II, n.1, jan/abr, 1987.

ZAMBONI, D. P. A territorialidade do capital: da fazenda ao condomínio, desenhando a cidade. Tese (Doutorado em Gestão e Planejamento Territorial), Unversidade Federal do ABC, 2018.

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Downloads

Não há dados estatísticos.