José Carlos Libâneo: gênese e desenvolvimento de seu pensamento didático

Main Article Content

Roberto Valdés Puentes
Andréa Maturano Longarezi

Resumo

O artigo tem como objetivo estabelecer e abordar os principais momentos no processo de gênese e desenvolvimento do pensamento didático de J. C. Libâneo (1945- ), a partir da adaptação da metodologia construtivo-interpretativa para análise de documentos bibliográficos. O autor é responsável por uma obra que extrapola os limites geográficos brasileiros dada a magnitude e profundidade teórica de suas principais teses. A gênese e o desenvolvimento desse pensamento podem ser localizados na conjuntura contraditória e de tensões ideológico-políticas que caracterizaram as décadas de 1970 e 1980, assinalada por um intenso movimento de democratização e transformação social. De um pensamento didático filosófico daí emergente, se sobressai, entre suas contribuições teóricas, uma aproximação com as teses psicológicas histórico-culturais, que tem seu marco no ano de 1991; intensificadas, a partir de 2002, pela análise dos princípios da Didática Desenvolvimental, do conteúdo da Atividade de Estudo e do método do abstrato ao concreto como forma de desenvolvimento do pensamento teórico, com foco nos aportes do sistema Elkonin-Davidov-Repkin, tomado, particularmente, pelas contribuições do grupo de Moscou e de V. V. Davidov.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Puentes, R. V., & Longarezi, A. M. (2020). José Carlos Libâneo: gênese e desenvolvimento de seu pensamento didático. Ensino Em Re-Vista, 27(Especial), 1275-1305. https://doi.org/10.14393/ER-v27nEa2020-5
Seção
Artigos

Referências

BORMEY, María Teresa Vila; LEÓN, Rafael Plá; RODRÍGUEZ, Pascual Valdés. Evald Vasílievich Iliénkov: una mirada filosófica a la psicología e a la pedagogía. In: PUENTES, Roberto Valdés; LONGAREZI, Andréa Maturano (Orgs.). Ensino desenvolvimental: vida, pensamento e obra dos principais representantes russos. Livro III. Uberlândia: Edufu; Jundiaí: Paco Editorial, 2019, p. 107-144.

DANILOV, M. A. El proceso de enseñanza en la escuela. La Habana: Editorial de libros para la educación, 1978.

DANILOV, M. A.; SKATKIN, M. N. Didáctica de la escuela media. La Habana: Editorial Pueblo e Educación, 1978.

DAVIDOV, Vasily Vasilyevich. Problems of developmental teaching. The experience of theoretical and experimental psychological research. Soviet Education, New York, 1988.

DAVIDOV V. V., MÁRKOVA, A. K. La concepción de la actividad de estudio en los escolares. In: Shuare, M (ed.) La psicología evolutiva y pedagógica en la URSS: Antología, Editorial Progreso, Moscú, 1987.

FREITAS, Raquel A. M. DA M.; LIBÂNEO, José C. Didática desenvolvimental e políticas para a escola no Brasil. In: PUENTES, Roberto V.; LONGAREZI, Andréa M. Dossiê Didática desenvolvimental: diferentes concepções histórico-culturais. LINHAS CRÍTICAS (ONLINE), v. 24, p. 367-387, 2019.

KLINGBERG, L. Introducción a la didáctica general. La Habana: Editorial Pueblo y Educación, 1978.

LEONTIEV, Alexei N. O Homem e a Cultura. In: VV.AA. O papel da cultura nas ciências sociais. Porto Alegre: Ed. Villa Martha, 1980.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática e prática histórico-social – uma introdução aos fundamentos da educação. Revista Ande, São Paulo, n. 8, 1984.

LIBÂNEO, José Carlos. Psicologia educacional: uma avaliação crítica. In: LANE, Silvia T. M.; CODO, Wanderley (Orgs.). Psicologia social – O homem em movimento. São Paulo: Editora brasiliense, 1984, p. 154-180.

LIBÂNEO, José Carlos. Democratização da escola pública: pedagogia crítico-social dos conteúdos. 14ª edição. São Paulo: Edições Loyola, 1985[1996].

LIBÂNEO, José C. Os conteúdos escolares e sua dimensão crítico-social. Revista da Ande, GOIÂNIA-GO, v. 11, p. 5-13, 1986.

LIBÂNEO, José Carlos. A didática e as tendências pedagógicas. Idéia, São Paulo, p. 28-38, 1991.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo. Cortez, 1990[2002].

LIBÂNEO, José C. Organização e gestão da escola. 1a. ed. Goiânia - GO: Alternativa, 2000a. 259p.

LIBÂNEO, José C. Organização e gestão da escola: teoria e prática. Goiânia: Edição do Autor, 2000b. 177p.

LIBÂNEO, José Carlos. Panorama do ensino da didática, das metodologias específicas e das disciplinas conexas nos cursos de Pedagogia: repercussões na qualidade da formação profissional. LONGAREZI, Andréa Maturano; PUENTES, Roberto Valdés (Orgs.). Panorama de didática: ensino, prática e pesquisa. Campinas: Papirus, 2001, p. 11-50.

LIBÂNEO, José C. Pedagogia e pedagogos, para quê? 4a. ed. São Paulo: Cortez Editora, 2001a. 200p.

LIBÂNEO, José C. Adeus professor, adeus professora? Novas exigências educacionais e profissão docente. 5a. ed. São Paulo: Cortez Editora, 2001b. 103p.

LIBÂNEO, José Carlos. A constituição do objeto da Didática: contribuição da ciência da educação. Texto publicado nos Anais do VII ENDIPE. Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino, Goiânia, 1994, p.65-78. In: LIBÂNEO, José Carlos. Didática: velhos e novos tempos. Goiânia: Edição do autor, maio de 2002, p. 8-18. Disponível em http://files.anajatubaateniense-blogspot-com.webnode.com/200000260-8102181f63/Jose%20Carlos%20Libaneo%20-%20Livro%20Didatica%20Lib%C3%A2neo.pdf, acesso em 07/10/2019.

LIBÂNEO, José Carlos. O modo de pensar didático e a metodologia do ensino da Didática (a relação objetivo-conteúdo-método na Didática Crítico-social (1991[2002]). VI Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino, Porto Alegre, de 2 a 6.12.1991. In: LIBÂNEO, José Carlos. Didática: velhos e novos tempos. Goiânia: Edição do autor, maio de 2002, p. 81-85. Disponível em http://files.anajatubaateniense-blogspot-com.webnode.com/200000260-8102181f63/Jose%20Carlos%20Libaneo%20-%20Livro%20Didatica%20Lib%C3%A2neo.pdf, acesso em 07/10/2019.

LIBÂNEO, José C. A didática e a aprendizagem do pensar e do aprender: a teoria histórico-cultural da atividade e a contribuição de Vasili Davydov. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 27, n.27, p. 5-24, 2004a.

LIBÂNEO, José C. A aprendizagem escolar e a formação de professores na perspectiva da psicologia histórico-cultural e da teoria da atividade. Educar em Revista, Curitiba (PR), n.24, p. 113-147, 2004b.

LIBÂNEO, José C. Memorial: trajetória intelectual e profissional (anos 1995-1991). Goiânia: Faculdade de Educação/Universidade Federal de Goiás, 2006.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática e epistemologia: para além do embate entre a didática e as didáticas específicas. In: VEIGA, Ilma P. Alencastro; e D´ÁVILA, Cristina (Orgs.). Profissão docente: novos sentidos, novas perspectivas. Campinas (SP): Papirus Editora, 2008b.

LIBÂNEO, José C. O declínio da escola pública brasileira: apontamentos para um estudo crítico. In: LOMBARDI, José C.; SAVIANI, Dermeval. (Org.). História, educação e transformação. 1ed. Campinas SP: Autores Associados, 2011, v. 1, p. 157-185.

LIBÂNEO, José Carlos. Políticas educacionais neoliberais e escola pública: uma qualidade restrita e restritiva de educação. In: LIBÂNEO, José Carlos; FREITAS, Raquel Aparecida Marra da Madeira (Orgs.). Políticas educacionais neoliberais e escola pública: uma qualidade restrita de educação escolar. – 1ª ed. – Goiânia: Editora Espaço Acadêmico, 2018, P. 44-87.

LIBÂNEO, José Carlos. Depoimento [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por em 23 abril 2020.

LIBÂNEO, José C.; FREITAS, R. A. M. M. Vygotsky, Leontiev, Davidov contribuições da teoria histórico-cultural para a didática. In: SILVA, C. C.; SUANNO, M. V. R. (Org.). Didática e interfaces. 1ed. Rio de Janeiro/Goiânia: Descubra, 2007, p. 39-60.

LIBÂNEO, José Carlos; FREITAS, Raquel A. Marra da Madeira. Vasily Vasilyevich Davydov: a escola e a formação do pensamento teórico-científico. In: LONGAREZI, Andréa Maturano; PUENTES, Roberto Valdés (Orgs.). Ensino desenvolvimental: vida, pensamento e obra dos principais representantes russos. Uberlândia: Edufu, 2013, p. 315-350.

LIBÂNEO, José Carlos; FREITAS, Raquel Aparecida Marra da Madeira. A pesquisa: repercussões de políticas educacionais na escola e na sala de aula. In: LIBÂNEO, José Carlos; FREITAS, Raquel Aparecida Marra da Madeira (Orgs.). Políticas educacionais neoliberais e escola pública: uma qualidade restrita de educação escolar. – 1ª ed. – Goiânia: Editora Espaço Acadêmico, 2018, p. 23-44.

LIBÂNEO, José Carlos; FREITAS, Raquel Aparecida Marra da Madeira. Abstração, generalização e formação de conceitos no processo de ensino e aprendizagem. In: PUENTES, Roberto Valdés; LONGAREZI, Andréa Maturano (Orgs.). Ensino desenvolvimental: sistema Elkonin-Davidov-Repkin. Campinas: Mercado de Letras; Uberlândia: Edufu, 2019, p. 213-240.

LONGAREZI, Andréa M. Para uma Didática Desenvolvimental e dialética no contexto de escolas públicas brasileiras. Obutchénie: Revista De Didática E Psicologia Pedagógica, vol. 1, n. 1, 2017, p. 187-230.

LONGAREZI, Andréa M. Prefácio. PUENTES, R. V.; CARDOSO, C. G. C.; AMORIM, P. A. P. (Orgs.). Teoria da atividade de estudo: contribuições de D. B. Elkonin, V. V. Davidov e V. V. Repkin. 1. ed. Curitiba: CRV, 2019a.

LONGAREZI, Andréa M. Significado e sentido na atividade de estudo: uma problematização dos motivos na estrutura da atividade. MILLER, Stela; GUADALUPE, Sueli de l. M. KOHLER, Érika C. (Org.) Significado e sentido na educação para a humanização. Marília: Oficina Universitária; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2019b, p. 257-290.

LONGAREZI, Andréa M. Teoria do experimento formativo. In: PUENTES, Roberto V.; LONGAREZI, Andréa M. (Orgs.) Ensino Desenvolvimental. Sistema Elkonin-Davidov-Repkin. Campinas: Mercado de Letras - Uberlândia: Edufu, 2019c.

LONGAREZI, Andréa M. Didática Desenvolvimental: um olhar para sua gênese na tradição da teoria histórico-cultural e possíveis desdobramentos para a realidade brasileira. In: Anais do IV Evento do método e metodologia em pesquisa na abordagem do materialismo histórico-dialético e da psicologia histórico-cultural. Maringá: UEM, 2019d.

LONGAREZI, Andréa M.; DIAS DE SOUSA, Waleska D. D. de. Unidades possíveis para uma obutchénie dialética e desenvolvedora. Linhas Críticas, v. 24, 2019, p. p.453-474.

LONGAREZI, Andréa M; SILVA, Diva S. Formação de professores e sistemas didáticos na perspectiva histórico-cultural da atividade: panorama histórico-conceitual. Apresentação. Obutchénie. Revista de Didática e Psicologia Pedagógica. Uberlândia, v. 2, n.3, p. 571-590, 2018. Disponível em:< http://www.seer.ufu.br/index.php/Obutchenie/article/view/47433/25643> Acesso em: 21.03.2019.

LONGAREZI, Andréa M.; PEDRO, Luciana G.; PERINI, Jacqueline F. Teoria da atividade e formação de professores: algumas aproximações. Ensino em Re-vista Uberlândia, v. 18, n.2, p. 389-400, 2011. Disponível em: < http://www.seer.ufu.br/index.php/emrevista/article/view/13859>. Acesso em julho de 2020.

LONGAREZI, Andréa M.; PUENTES, Roberto V. A ascensão do pensamento didático desenvolvimental na obra de José Carlos Libâneo (1976-2020). In: SUANNO, Marilza Vanessa R.; CHAVES, Sandramara M.; LIMONTA, Sandra V. Educação como prática social - Homenagem ao Prof. Dr. José Carlos Libâneo, 2020.

PUENTES, Roberto Valdés. Didática desenvolvimental da atividade: o sistema Elkonin-Davidov (1958-2015). Obutchénie, Uberlândia, v. 1, n. 1, p. 20-58, 2017.

PUENTES, Roberto Valdés. Uma nova abordagem da teoria da aprendizagem desenvolvimental. In: PUENTES, Roberto Valdés; CARDOSO, Cecília Garcia Coelho; AMORIM, Paula Alves Prudente (Orgs.). Teoria da atividade de estudo: contribuições de D. B. Elkonin, V. V. Davidov e V. V. Repkin. Curitiba: CRV; Uberlândia: Edufu, 2019a, p. 31-53.

PUENTES, R. V. O sistema Elkonin-Davidov-Repkin no contexto da didática desenvolvimental da atividade (1958-2015). In: Roberto Valdés Puentes; Cecília Garcia Coelho Cardoso; Paula Alves Prudente Amorim. (Org.). Teoria da atividade de estudo: contribuições de D. B. Elkonin, V. V. Davidov e V. V. Repkin. 1ed.Curitiba: CRV, 2019b, v. 10, p. 53-80.

PUENTES, R. V. A noção de sujeito na concepção da Aprendizagem Desenvolvimental. Obutchénie, Uberlândia, v.3. n.a p. 58-87, 2019c.

PUENTES, Roberto Valdés; LONGAREZI, Andréa Maturano. A didática desenvolvimental: seu campo conceitual na tradição da psicologia histórico-cultural da atividade. In: LONGAREZI, A. M.; PUENTES, R. V. (Orgs.). Fundamentos psicológicos e didáticos do ensino desenvolvimental. Uberlândia: Edufu, 2017a, p.187-224.

PUENTES, R. V.; LONGAREZI, A. M. Didática desenvolvimental: sessenta anos de tradição teórica, epistemológica e metodológica. Obutchénie, Uberlândia, v. 1, p. 9-19, 2017b.

PUENTES, R. V.; LONGAREZI, A. M. Uma introdução à Didática Desenvolvimental soviética e suas diferentes interpretações no âmbito Latino-americano (Brasil, Cuba e México). Linhas Críticas (ONLINE), Brasília, v. 24, p. 278-283, 2018.

PUENTES, Roberto V.; LONGAREZI, Andréa M. (Orgs.). Ensino Desenvolvimental. Sistema Elkonin-Davidov-Repkin. Campinas: Mercado de Letras - Uberlândia: Edufu, 2019.

PUENTES, R. V.; AMORIM, P. A. P.; CARDOSO, C. G. C. Didática desenvolvimental da atividade: contribuições de V. V. Repkin ao sistema Elkonin-Davidov. Ensino em Revista, Uberlândia, v. 24, p. 130-150, 2017. DOI: https://doi.org/10.14393/ER-v24n1a2017-12.

REPKIN, Vladimir Vladimirovich; REPKINA, Natalya V. Modelo teórico da aprendizagem desenvolvimental. In: PUENTES, Roberto Valdés; LONGAREZI, Andréa Maturano (Orgs.). Ensino desenvolvimental: Sistema Elkonin-Davidov-Repkin. Campinas: Mercado de Letras; Uberlândia: Edufu, 2019, p. 27-75.

REVYAKINA, V. I.; LOBANOV, V. V., KULIKOV, S. B. The Developmental Education and its Relevance to the Russian Innovative Pedagogy. Obutchénie, Uberlândia. v. 1, n. 1, p. 59-69, 2017.

VIGOTSKY, Lev Semenovich. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1984.