O enfoque CTSA e uso de Metodologias Ativas no Ensino Superior: uma análise baseada na discussão de notícias sobre acidentes ambientais envolvendo produtos químicos

Main Article Content

Cristine Santos de Souza da Silva
Denise Santos de Souza

Resumo

O enfoque CTSA e o uso de Metodologias Ativas estão cada vez mais presentes no Ensino Superior, isso porque são comprovadamente eficientes para o ensino de ciências e para a contextualização de problemáticas atuais. Considerando essas duas abordagens de ensino esse artigo apresenta uma análise de uma atividade realizada com alunos de quatro cursos de graduação, tendo como enfoque os impactos ambientais decorrentes de acidentes envolvendo produtos químicos. A metodologia adotada foi a discussão e análise de notícias jornalísticas atuais associadas ao tema. Como resultado observou-se que mesmo no âmbito do ensino superior, a contextualização é necessária para a compreensão dos pressupostos teóricos que se deseja ensinar. Por meio do enfoque CTSA foi possível constatar os avanços dos alunos no desenvolvimento das habilidades como diálogo, pensamento crítico e compreensão de processos complexos, como os que se referem às questões ambientais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Silva, C. S. de S. da, & Souza, D. S. de. (2019). O enfoque CTSA e uso de Metodologias Ativas no Ensino Superior: uma análise baseada na discussão de notícias sobre acidentes ambientais envolvendo produtos químicos. Ensino Em Re-Vista, 26(3), 919-941. https://doi.org/10.14393/ER-v26n3a2019-14
Seção
Artigos/Articles

Referências

ANHUSSI, E. C. O uso do jornal em sala de aula: sua importância e concepções de professores. [s.l.] Universidade Estadual Paulista, 2009.

BARBOSA, E. F.; MOURA, D. G. DE. Metodologias ativas de aprendizagem na educação profissional e tecnológica. Boletim Técnico do Senac, v. 39, n. n.2, p. 38–47, 2013.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BERBEL, N. A. N. As metodologias ativas e a promoção da autonomia de estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, v. 32, n. 1, p. 25–40, 2011.

BOURSCHEID, J. L. W.; FARIAS, M. E. A convergência da educação ambiental, sustentabilidade, ciência, tecnologia e sociedade (CTS) e ambiente (CTSA) no ensino de ciências. Revista Thema, v. 11, n. 01, p. 24–36, 2014.

CARNEIRO, E.; FARIA, R. L. DE; SHUVARTZ, M. A utilização da mídia impressa no ensino de ciências: uma proposta de debate sobre o meio ambiente. III EDIPE - Enontro Estadual de Didática e Prática de Ensino. Anais...Goiânia, GO: 2009

DE PAULA, C. P. O uso de jornal como instrumento pedagógico no ensino de Geografia. In: Os desafios da escola pública paranaense na perspectiva do professor PDE. [s.l: s.n.]. p. 42.

FAGUNDES, S. M. K. et al. Produções em educação em ciências sob a perspectiva CTS/CTSA. VII ENPEC. Anais...2000

FERNANDES, I. M. B.; PIRES, D. M. Integração CTSA em Manuais Escolares de Ciências da Natureza do 5o ano de Escolaridade. III Seminario Iberoamericano CTS en la enseñanza de las Ciencias, p. 52–58, 2012.

FREITAS, C. M. DE; AMORIM, A. E. Vigilância ambiental em saúde de acidentes químicos ampliados no transporte rodoviário de cargas perigosas. Informe Epidemiológico do SUS, v. 10, n. 1, p. 31–42, 2001.

FREITAS, C. M. DE; PORTE, M. F. D. S. Acidentes químicos ampliados : um desafio para a saúde pública. Revista de Saúde Pública, v. 29, n. 021, p. 503–514, 1995.

GONZALEZ, I. M. Análise de um percurso de ensino sobre o lixo urbano na perspectiva CTSA. VIII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação de Ciências, p. 1–12, 2011.

LENARDÃO, E. J. et al. “Green chemistry” - Os 12 princípios da Química Verde e sua inserção nas atividades de ensino e pesquisa. Quimica Nova, v. 26, n. 1, p. 123–129, 2003.

MORAN, J. Mudando a educação com metodologias ativas. In: SOUZA, C. A. DE; MORALES, O. E. T. (Eds.). . Convergências Midiáticas, Educação e Cidadania: aproximações jovens. [s.l.] Coleção Mídias Contemporâneas., 2015. v. IIp. 15–33.


MORÁN, J. Mudando a educação com metodologias ativas. Coleção Mídias Contemporâneas. Convergências Midiáticas, Educação e Cidadania: aproximações jovens, v. II, p. 15–33, 2015.

NARDOCCI, A. C.; LEAL, O. L. Informações sobre Acidentes com Transporte Rodoviário de Produtos Perigosos no Estado de São Paulo : os desafios para a Vigilância em Saúde Ambiental Informations about Road Transport of Dangerous Substances in the State of São Paulo : challenges for envi. Saúde e Sociedade, v. 15, n. 2, p. 113–121, 2006.

OSTROVSKI, C. S. A interdisciplinaridade e o uso do jornal digital: concepções dos professores de 4a séries do município de Medianeira – PR. [s.l.] UNOESTE, 2009.

PAROLI, R. M. Avaliação de Programas para Aplicação de Jornal em Sala de Aula como Recurso Pedagógico Inovador: Uma Nova Gestão do Ensino. [s.l.] PUC Campinas, 2006.

PINTO, S. L.; SGARBI, A. D. A Revista Ciência Hoje das Crianças no contexto da abordagem CTSA. Indagatio Didactica, v. 8, n. 1, 2016.

ROCHA, H. M.; LEMOS, W. DE M. Metodologias ativas: Do que estamos falando? Base conceitual e relato de pesquisa em andamento. Simpósio Pedagógico E Pesquisas Em Comunicação - IX SIMPED. Anais...Resende: 2014.

SÁNCHEZ, L. E. Avaliação de impacto ambiental. 2o ed. [s.l.] Oficina de Textos, 2015.

SANTOS, W. L. P. DOS; MORTIMER, E. F. Uma análise de pressupostos teóricos da abordagem C-T-S (Ciência – Tecnologia – Sociedade) no contexto da educação brasileira. ENSAIO - Pesquisa em Educação em Ciências, v. 02, n. 2, p. 1–23, 2002.

SILVA, C. S. DE S. DA et al. Estratégia didática para abordagem do tema sustentabilidade a partir da análise da Pegada Ecológica. Revista da SBEnBio, v. 1, n. 9, p. 7324–7331, 2016.

TOMAZELLO, M. G. C. O Movimento CTSA na Educação em Ciências. I Seminário Internacional de Ciência, Tecnologia e Ambiente, p. 7, 2009.

VALENTE, J. A.; ALMEIDA, M. E. B. DE; GERALDINI, A. F. S. Metodologias ativas: das concepções às práticas em distintos níveis de ensino. Revista Diálogo Educacional, v. 17, n. 52, p. 455–478, 2017.