Imagens dos cientistas Jean-Baptiste de Lamarck e Charles Darwin: o que alunos concluintes do ensino médio sabem sobre eles?

Main Article Content

Eduarda Tais Breunig
Aléxia Santos Amaral
Andréa Inês Goldschmidt

Resumo

A pesquisa buscou investigar as concepções de setenta e oito alunos de terceiro ano do ensino médio de escolas públicas, a respeito da imagem e do nome de dois cientistas importantes para a Biologia e as implicações destas relacionadas à Ciência, através de dois questionários, compostos por duas partes. Inicialmente foi aplicado o primeiro, que investigou o reconhecimento de cientistas através de imagens sem nomeação e uma segunda parte, contendo outras imagens dos cientistas; porém, nominadas. Os resultados mostraram que o uso de imagens ainda é restrito em sala de aula; não tendo sido reconhecidos de forma significativa nenhum dos cientistas, principalmente, quando não foi mencionado os nomes. Além disso, muitas concepções reducionistas sobre cientistas e sobre a ciência foram identificadas.


 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Breunig , E. T., Amaral , A. S., & Goldschmidt, A. I. (2019). Imagens dos cientistas Jean-Baptiste de Lamarck e Charles Darwin: o que alunos concluintes do ensino médio sabem sobre eles?. Ensino Em Re-Vista, 26(2), 366-389. https://doi.org/10.14393/ER-v26n2a2019-4
Seção
Dossiê Revisitando a Educação em Ciências e em Matemática

Referências

ALMEIDA, A.V. e ROCHAFALCÃO, T. J. A estrutura histórico-conceitual dos programas de pesquisa de Darwin e Lamarck e sua transposição para o ambiente escolar. Ciência & Educação, Bauru, v. 11, n. 1, p. 17-32, 2005.

ALMEIDA, V. e ROCHAFALCÃO, J. T. R. As teorias de Lamarck e Darwin nos livros didáticos de Biologia no Brasil. Ciência & Educação(Bauru), vol.16, núm. 3, 2010, pp. 649-665.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BIZZO, N. M. V. Ensino de evolução e história do darwinismo. 1991. 312f. Tese (Doutorado em Educação) -Universidade de São Paulo, São Paulo, 1991.

BOGDAN, R. C. e BIKLEN, S. K. Investigação Qualitativa em Educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 2006. 336 pp.

BRANDO, F. da R.; ANDRADE, M. A. B. S.; MEGLHIORATTI, F. A.; CALDEIRA, M. A. Contribuições da epistemologia e da história da ecologia para a formação de professores e pesquisadores. Filosofia e História da Biologia, v. 7, n. 2, p. 181-200, 2012.

DOMINGUES, H. M.B., SÁ, M.R.., GLICK, T. (Orgs). A recepção do Darwinismo no Brasil[online]. História e saúde collection. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2003, 189 p.

DUARTE, B.et al. A importância da história da ciência na perspectiva dos alunos de ensino médio: a investigação em uma escola no portal do triângulo mineiro. Anais... In:XV Encontro Nacional de Ensino de Química, Brasília, 2010.

ENGELMANN, G. L.Percepção de cientistas e da história da ciência em livros didáticos de química.2017. 235f. Dissertação. Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE –Campus de Cascavel, Paraná.

EL-HANI, C. N. Notas sobre o ensino de história e filosofia da ciência na educação científica de nível superior. In: SILVA, C. C. Estudo de História e Filosofia das Ciências: subsídios para aplicação no ensino. São Paulo: Livraria da Física, p. 3-21, 2006.

FRADE, D. K. G. A natureza da ciência em conteúdos de genética nos livros didáticos de biologia do ensino médio e sua influência no desenvolvimento do saber científico.2014. 48f. Monografia. Curso de Ciências Biológicas. Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa.

FUTUYMA, D. J. Evolução, ciência e sociedade.São Paulo: Sociedade Brasileira de Genética, 2002.

KOSMINSKY, L. e GIORDAN, M. As visões de ciência e sobre cientista entre estudantes de ensino médio. Química Nova na Escola, nº 15, p. 11-18, maio 2002.

LAMARCK, J. P. B. A. M. (1835-1840). Histoire Naturelle des Animaux sans Vertèbres. 2ème édition révue et augmentée de notes présentant les faits nouveaux dont la Sciences’estenrichie jusqu’à ce jour, par M. M. G. H. Deshayes et H. Milne Edwards. 11 vols. Paris: Baillière.

MARTINS, L. A. C. P. A. A teoria da progressão dos animais, de Lamarck. Rio de Janeiro/São Paulo: Booklink/Fapesp/GHTC-Unicamp, 2007.

MARTINS,L.A.C.P. Lamarck e evolução orgânica: as relações entre o vivo e o não-vivo. Ciência & Ambiente, v. 36, p. 11-21, 2008.

MARTINS, L. A. C. P.e BAPTISTA, A. M. H. Lamarck, evolução orgânica e tempo: algumas considerações. Filosofia e História da Biologia. 2007.

MARTINS, R. A. Introdução: a história das Ciências e seus usos na Educação. In: SILVA, C. C. (Org). Estudos de história e filosofia das ciências: subsídios para aplicação no ensino. São Paulo: Editora Livraria da Física, p. 17-30, 2006.

MELZER, M. e AIRES, J. A. A História do desenvolvimento da teoria atômica: um percurso de Dalton a Bohr. Amazônia, Revista de Educação em Ciências e Matemática, v.11 (22) Jan-Jun 2015. p.62-77.

MOURA, B. A. O que é natureza da Ciência e qual sua relação com a História e Filosofia da Ciência? Revista Brasileira de História da Ciência, Rio de Janeiro, v. 7, n. 1, p. 32-46, jan/jun, 2014.

NICOLINI, L. B.eWAIZBORTR. F. Plumas, cantos e mentes: Darwin, a seleção sexual e o ensino da teoria da evolução.Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências. Vol. 13, No2,2013. 187.

NOGUEIRA-MARTINS, M. C. Considerações sobre a metodologia qualitativa como recurso para o estudo das ações de humanização em saúde. Saúde e Sociedade. v.13, n.3, p.44-57, set-dez 2004.

RIDLEY, M.Evolução.São Paulo: Editora Artmed, 3a ed.2006.

RIOS, R. I. Darwin: muito famoso e pouco lido.Ciência Hoje, vol. 42, n 250, julho, 2008. pg. 66-68.

ROQUE, I. R. Sobre girafas, mariposas, corporativismo científico e anacronismos didáticos. Ciência Hoje, São Paulo, v. 34, n. 200, p. 64-67, 2003.

SEQUEIRA, M.; LEITE, L. A História da Ciência no Ensino Aprendizagem das Ciências. Revista Portuguesa de Educação. Universidade do Minho: Portugal. p.29-40, 1988.

SILVA, B. V. C. Young fez,realmente, o experimento da fenda dupla? Latin American Journal of Physics Education., v. 3, p. 280-287, 2009. SILVA, B. V. C. e MARTINS, A.F.P. Júri simulado: um uso da História e da Filosofia da Ciência no ensino da Óptica. Física na Escola, v. 10, p. 17-20, 2009.

SILVA, E. N.;TEIXEIRA, R. R. P. A história da ciência nos livros didáticos de física. Revista Tecnologia e Tendências. v. 8, n. 1 Janeiro / Junho, 2009.