DISTRIBUIÇÃO SAZONAL DO Rhipicephalus sanguineus (ACARI: IXODIDAE) NO MUNICÍPIO DE UBERLÂNDIA, MINAS GERAIS

  • Driene Bastos Soares
  • Maria Marlene Martins
  • Monize Gerardi mestre em Imunologia e Parasitologia Aplicada e doutoranda em Medicina Veterinária Preventiva -USP
  • Vanessa do Nascimento Ramos Doutora em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais pela UFU

Resumo

Este trabalho teve por objetivo a investigação da distribuição sazonal do carrapato Rhipicephalus sanguineus em Uberlândia - Minas Gerais. Para isso oito domicílios com cães infestados com o ácaro foram monitorados mensalmente quanto à infestação do ambiente e dos cães e ainda temperatura e umidade do microclima em que os carrapatos se desenvolviam. Os resultados analisados separadamente indicaram não haver uma distribuição sazonal de carrapatos e que cada domicílio representa uma população de carrapatos cujas gerações se sucedem de forma independente. Porém com todos os dados agrupados é possível observar um padrão sugestivo para o estágio de larvas, com dois picos no primeiro e segundo ano, em agosto e dezembro em 2009-2010 e agosto e novembro em 2010-2011. Esta análise ainda sugere a existência de duas gerações por ano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Driene Bastos Soares
mestre em Ciências Veterinárias Doutoranda do Programa de Imunologia e Parasitologia Aplicada-UFU
Publicado
2013-06-06
Seção
Epidemiologia e Saúde Pública