Estimativa e Propagação de Valores de DCB C1C-C2W de um Receptor GPS com Vistas a Correção de Ordem Superior do Efeito Ionosférico

Palavras-chave: DCB, TEC, GNSS, Efeitos de ordem superior na ionosfera, PPP

Resumo

Quando se almeja maior acurácia no posicionamento GNSS, é imprescindível a correção dos efeitos de ordem superior da refração ionosférica. O erro associado à ionosfera é diretamente proporcional ao conteúdo total de elétrons (Total Electron Content – TEC) presentes na atmosfera e inversamente proporcional à frequência do sinal. Ao usar a combinação linear livre de geometria com as observações advindas dos códigos, o cálculo do TEC é influenciado pelo erro sistemático conhecido como tendência diferencial devido ao atraso do código (Differential Code Bias – DCB). Esta pesquisa tem como principal objetivo a determinação do DCB C1C-C2W de um receptor GPS, utilizando a técnica da Simples Diferença, para utilização no cálculo do TEC e na correção dos efeitos de ordem superior da refração ionosférica diretamente em campo. Os experimentos foram realizados no contexto do PPP (Posicionamento por Ponto Preciso). Experimentos adicionais considerando a propagação dos valores de DCB por três e quatro semanas foram conduzidos. Isso, a fim de verificar a possibilidade de diminuir a frequência de idas a campo para o cálculo dos valores de DCB. Os resultados obtidos considerando-se a correção de ordem superior da refração ionosférica mostram uma melhorana ordem do milímetro na direção leste-oeste e na direção normal ao elipsoide, quando comparados com o processamento considerando apenas as correções de primeira ordem. Para a componente norte-sul, a melhora apresentou-se na ordem do centímetro. Quando utilizados os DCBs propagados, os resultados apresentaram uma acurácia média no PPP de 0,2 cm para latitude, 1,4 cm para longitude e 1,5 cm para altitude.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiane Piovesan de Moraes Cordeiro, Universidade Federal do Paraná

Engenheira Cartógrafa e Agrimensora formada pela Universidade Federal do Paraná (2016). Mestre em Ciências Geodésicas formada pela Universidade Federal do Paraná (2019). Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geodésia.

Tiago Lima Rodrigues, Universidade Federal do Paraná

Engenheiro Agrimensor formado pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - UFRRJ (2010), Doutor em Ciências Geodésicas pela Universidade Federal do Paraná - UFPR (2015). Atualmente é professor da Universidade Federal do Paraná. Tem experiência na área de Sensoriamento Remoto e Geodésia. 

Luiz Danilo Damasceno Ferreira, Universidade Federal do Paraná

Possui graduação em Fisica pela Universidade Federal do Paraná (1970), mestrado em Ciências Geodésicas pela Universidade Federal do Paraná (1974) e doutorado em Engenharia e Tecnologia Espaciais pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (1983). Atualmente é professor Sênior da Universidade Federal do Paraná. Tem experiência na área de Engenharia Aeroespacial, com ênfase em Dinâmica de Vôo, atuando principalmente nos seguintes temas: Geodésia Espacial (GNSS), Propagação de Órbitas de Satélites Artificiais.

Publicado
2020-09-22
Como Citar
CORDEIRO, F. P. DE M.; RODRIGUES, T. L.; FERREIRA, L. D. D. Estimativa e Propagação de Valores de DCB C1C-C2W de um Receptor GPS com Vistas a Correção de Ordem Superior do Efeito Ionosférico. Revista Brasileira de Cartografia, v. 72, n. 3, p. 445-459, 22 set. 2020.
Seção
Artigos Originais