Avaliação da Acurácia Posicional de Dados Gerados por Aeronave Remotamente Pilotada

Palavras-chave: Imagens aéreas, Mapeamento Topográfico, Análise de tendência, Análise de precisão

Resumo

Aeronaves Remotamente Pilotadas (ARP) são equipamentos disponibilizados no mercado para obtenção de imagens aéreas de alta resolução. Diante do contexto de desenvolvimento dessa aeronave no meio civil, esta pesquisa teve como objetivo avaliar a acurácia posicional dos dados gerados a partir do uso da ARP PHANTOM 3 para fins de mapeamento topográfico e a possibilidade de utilização na cartografia cadastral. A metodologia compreendeu o planejamento de voo, seleção de 52 pontos de apoio coletados mediante levantamento pós-processado no modo estático através de receptores GNSS e nivelamento geométrico realizado com o Nível Digital DL-202 Ruide, criação de sinalizadores dos alvos e processamento fotogramétrico utilizando o software Pix4Dmapper Pro - Trial. A avaliação da acurácia foi realizada no ortomosaico e MDT obtidos Sem pontos de controle (PC), com PC Distribuídos e PC Agrupados para a escala 1:1.000 através da análise de tendência, usando estatística inferencial, e da análise de precisão, por meio do teste Qui-Quadrado e do Decreto-Lei 89.817/ET-CQDG. Para comparar as discrepâncias obtidas entre dados posicionais de teste e de referência nas diferentes distribuições dos PC, utiliza-se a Análise de Variância e teste Tukey. Os resultados da acurácia posicional planimétrica foram aprovados para as imagens PC Distribuídos e PC Agrupados. O teste Tukey também apontou que essas imagens, PC Distribuídos e PC Agrupados, não diferem estatisticamente entre si. Portanto, concluiu-se que o uso da ARP utilizando PC pode ser considerado para mapeamento topográfico urbano em grande escala, sendo capaz de obter produtos planimétricos aceitáveis para gerar cartografia cadastral.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dayanne Vieira Oliveira, Universidade Federal de Uberlândia

Ciencias exatas e da Terra (cartografia e agrimensura)

Publicado
2019-12-13
Como Citar
OLIVEIRA, D. V.; BRITO, J. L. S. Avaliação da Acurácia Posicional de Dados Gerados por Aeronave Remotamente Pilotada. Revista Brasileira de Cartografia, v. 71, n. 4, p. 934-959, 13 dez. 2019.
Seção
Artigos Originais