Avaliação da precisão posicional de um Sistema Laser Scanner Terrestre AM-CW a partir de uma placa de esferas 3D

Paulo Augusto Ferreira Borges, Edvaldo Simões da Fonseca Junior, Jorge Pimentel Cintra, João Batista Tavares Junior

Resumo


A calibração de instrumento é reconhecida como um importante processo para a garantia de qualidade de dados obtidos a partir de um laser scanner terrestre (TLS). Um aspecto importante na garantia da qualidade de nuvem de pontos tridimensionais capturadas com instrumentos TLS é a calibração geométrica. Erros sistemáticos inerentes aos instrumentos, se não corrigidos, podem degradar a acurácia da nuvem de pontos obtida pelo scanner. Assim, o uso de metodologias de calibração de fácil utilização e manuseio permite quantificar e avaliar a qualidade e a acurácia dos sistemas lasers scanners terrestres e gerar coeficientes para correção dos erros sistemáticos. Este artigo apresenta a proposta de um novo método de avaliação da acurácia posicional de TLS utilizando-se um sistema tridimensional composto por uma placa com nove furos nos quais são alojadas nove esferas de poliacetal de 100 mm de diâmetro, ambos confeccionados utilizando a tecnologia de usinagem 3D. A partir da nuvem de pontos podem-se determinar as distâncias entre as esferas e calcular a acurácia do TLS a partir do conhecimento das coordenadas nominais do centro de cada esfera. Os resultados obtidos comprovam a eficiência da metodologia de cálculo utilizando-se a distância entre as esferas, validando-a como uma alternativa para procedimentos de calibração em laboratório a partir de varreduras de curto alcance, permitindo a determinação da acurácia posicional do instrumento.

Palavras-chave


Laser scanner terrestre; Nuvem de pontos; Erros; Calibração; Precisão; Acurácia.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1808-0936 | Periódico indexado à seguintes bases de dados: Periódicos CAPES, Google Scholar, WorldCat, DOAJ, Latindex | Índice h5=7, mediana h5=9 (Google Scholar)