Tecnologias utilizadas na produção de mapas: novas perspectivas didáticas no Ensino Fundamental II

Iomara Barros de Souza, Maria Isabel Castreghini de Freitas

Resumo


Este trabalho tem como objetivo analisar o uso da Cartografia Digital, do Sensoriamento Remoto e dos Sistemas de Informações Geográficas (SIG) como instrumentos de ensino de Geografia em classes do 6º ao 9º ano. Adotou-se a metodologia Pesquisa-Ação Pedagógica (PAPe) como caminho para o docente pensar e refletir sobre suas práticas no ensino de Cartografia. Como parte da pesquisa de doutorado junto à UNESP – Rio Claro, realizamos o curso GEOPEES (Geotecnologias como instrumentos para pensar o espaço geográfico) como formação continuada para professores de Geografia da rede municipal de São Gonçalo/RJ que atuam no Ensino Fundamental II. Os resultados mostraram possibilidades para a utilização das geotecnologias em ações nas aulas de Geografia como materiais didáticos para ampliar e desenvolver um olhar geográfico dos educandos sobre suas espacialidades.


Palavras-chave


Geotecnologias; Ensino de Cartografia; Prática docente

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1808-0936 | Periódico indexado à seguintes bases de dados: Periódicos CAPES, Google Scholar, WorldCat, DOAJ, Latindex | Índice h5=7, mediana h5=9 (Google Scholar)