Análise Direcional de Erros Sistemáticos em Ortomosaico gerado por meio de RPAS

  • Dalva M. Castro Vitti
  • Frederico Fábio Mauad
  • Ademir Marques Jr
  • Leonardo Campos Inocêncio
  • Maurício Roberto Veronez

Resumo

A estatística circular é uma importante ferramenta para avaliar a tendência em mapeamentos a partir do imageamento com sensores embarcados. Este trabalho visou avaliar erros sistemáticos e em dois ortomosaicos obtidos do imageamento simultâneo com dois sensores embarcados no Hexator XFly 800. Foram gerados dois ortomosaicos pela técnica Structure from Motion. As discrepâncias foram obtidas pela comparação entre pontos homólogos observados nos ortomosaicos e coletados com GNSS RTK. Primeiramente, foram realizadas análises quanto a normalidade e aleatoriedade das discrepâncias observadas nos pontos de controle. De acordo com a função de Shapiro-Wilk as amostras não apresentaram distribuição normal e pelo teste de sequências foram consideradas aleatórias. Devido a não normalidade, foi realizada a análise direcional dos dados, obtendo-se assim as direções dos vetores resultantes de acordo com a função de von Mises. Para os ortomosaicos do sensor Canon ELPH 110S + SfM e sequoia + SfM, os vetores direcionais resultantes ocorreram no azimute 47o e 116o, com variâncias de 0,880 m e 0,810 m, respectivamente, mostrando grande dispersão dos pontos e por consequência, concluindo pela não tendência de ambos ortomosaicos. O RMSE foi calculado para ambos ortomosaicos e comparados com o PEC-PCD, que conduziu ao enquadramento na Classe B da escala 1:2000.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-12-31
Como Citar
VITTI, D. M. C.; MAUAD, F. F.; MARQUES JR, A.; INOCÊNCIO, L. C.; VERONEZ, M. R. Análise Direcional de Erros Sistemáticos em Ortomosaico gerado por meio de RPAS. Revista Brasileira de Cartografia, v. 70, p. 1566-1594, 31 dez. 2018.

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)