Produção de situações-problema em curso de extensão universitária por professores de Ciências da Natureza dos anos finais e ensino médio da rede básica de ensino

  • Vanessa Fagundes Siqueira Universidade Federal do Pampa
  • Mara Elisângela Jappe Goi Universidade Federal do Pampa
  • Jaqueline Pinto Vargas Universidade Federal do Pampa
  • Ricardo Machado Ellensohn Unipampa
Palavras-chave: Resolução de problemas, Formação de professores, Ensino de Ciências

Resumo

Neste trabalho serão apresentados e discutidos os dados extraídos de um curso de formação continuada de professores da área de Ciências da Natureza realizado na Universidade Federal do Pampa (Unipampa), campus Caçapava do Sul, Rio Grande do Sul. A experiência realizada indica o desenvolvimento de competências no processo de elaboração e resolução de problemas que pode ser realizado em curso de imersão com professores das áreas de Ciências da Natureza e essa se vincula à constituição de um grupo de formação continuada de professores, bem como se justifica pela necessidade de instituir um grupo docente embasado no estudo da Resolução de Problemas no Ensino de Ciências. Os resultados apontam que o trabalho desenvolvido oportunizou o aprimoramento de habilidades nos docentes, bem como contribuiu para minimizar as dificuldades encontradas na prática docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanessa Fagundes Siqueira, Universidade Federal do Pampa

Graduanda em Ciências Exatas na Universidade Federal do Pampa, Rio Grande do Sul, Brasil

Mara Elisângela Jappe Goi, Universidade Federal do Pampa

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil; professora da Universidade Federal do Pampa, Campus Caçapava do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil.

 
Jaqueline Pinto Vargas, Universidade Federal do Pampa

Doutora em Química pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil; professora adjunta na Universidade Federal do Pampa, campus Caçapava do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil.

Ricardo Machado Ellensohn, Unipampa

Doutor em Síntese Orgânica (Organometálicos e Síntese Total) pela Universidade de São Paulo, Brasil, com estágios de pós-doutorado em Síntese Quiral (Compostos com atividade biológica) pela Universidade Estadual de Campinas, São Paulo, Brasil; professor adjunto e coordenador acadêmico na Universidade Federal do Pampa, campus Caçapava do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil.

Referências

ABREU, M. C. S. Formação continuada: uma reflexão sobre a resignação da prática docente. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

BATINGA, V. T. S. A abordagem de RP por professores de química do ensino médio: um estudo de caso sobre o conteúdo de estequiometria. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.

BENTLIN, F. R. S. RP como prática de ensino sobre funções inorgânicas para alunos da EJA. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Exatas) – Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

BOLZAN, E. C. V. M. M. RP como proposta para o ensino e aprendizagem de física moderna e contemporânea no ensino médio. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Exatas) – Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, 2015.

BOLZAN, T. D. Ensino da função polinomial do 2º grau através da metodologia da RP. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Exatas) – Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, 2015.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília: MEC/SEF, 1997.

BRUNER, J. S. Uma nova teoria da aprendizagem. Rio de Janeiro: Block, 1966.

BRUNER, J. S. Sobre o conhecimento: ensaios de mãos esquerda. São Paulo: Phorte, 2008.

CARRER, E. L. B. A RP como estratégia para o estudo da química no cotidiano. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Química) – Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008.

CLEMENT, L.; TERRAZZAN, E. A. Atividades didáticas de RP e o ensino de conteúdos procedimentais. Revista electrónica de investigación em educación em ciencias, Buenos Aires, v. 6, n.1, p. 87-101, 2011.

COSTA, S. S. C., MOREIRA, M. A. RP II: propostas de metodologias didáticas. Investigações em Ensino de Ciências, Porto Alegre, v. 2, n. 1, p. 5-26, 1997.

COSTA, S. S. C.; MOREIRA, M. A. A RP como um tipo especial de aprendizagem significativa. Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis, v. 18, n. 3, p. 263-277, 2001.

DEWEY, J. Experiência e educação. Tradução de Renata Gaspar. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.

ECHEVERRÍA, M. D. P; POZO, J. I. Aprender a resolver problemas e resolver problemas para aprender. In: POZO, J. I. (org.). A solução de problemas: aprender a resolver, resolver para aprender. Porto Alegre: ArtMed, 1998. p. 13-42.

FREITAS, J.Q.P. RP no ensino da matemática: uma introdução à geometria fractal no ensino fundamental. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Exatas) – Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, 2015.

GIL PÉREZ, D. et al. Questionando a didática de RP: elaboração de um modelo alternativo. Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis, v. 9. n. 1. p. 7-19, 1992.

GOI, M. E. J. A Construção do conhecimento químico por estratégias de RP. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Universidade Luterana do Brasil, Canoas, 2004.

GOI, M. E. J. Formação de professores para o desenvolvimento da metodologia de RP na educação básica. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

LAUDAN, L. Progress and it's problems: towards a theory of scientific growth. London: outledge & Kegan Pau, 1977. p. 275.

LEITÃO, Á.; ALARCÃO, I. Para uma nova cultura profissional: uma abordagem da complexidade na formação inicial de professores do 1º CEB. Revista Portuguesa de Educação, Braga, v. 19, n. 2, p. 51-84, 2006.

LEITE, L.; ESTEVES, E. Trabalho em grupo e aprendizagem baseada na RP: um estudo com futuros professores de física e de química. In: Actas do International Conference PBL. Perú: Pontifícia Universidad Católica del Perú, 2006.

LEITE, S. B. Estudo sobre polímeros através da RP. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Química) – Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

LIBÂNEO, J.; PIMENTA, S. Formação de profissionais da educação: visão crítica e perspectiva de mudança. Educação e Sociedade, Campinas, ano XX, n. 68, p. 239-277, 1999. Doi: 10.1590/S0101-73301999000300013.

LOPES, J. RP em física e química. Lisboa: Texto, 1994.

LÜDCKE, M.; ANDRÉ, M. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

NERY, B, K.; MALDANER, O. A. Formação continuada de professores de química na elaboração escrita de suas aulas a partir de um problema. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, Vigo, v. 11, n. 1, p. 120-144, 2012.

PEDUZZI, L. O. Q. Sobre a RP no ensino da Física. Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis, v. 14, n. 3, p. 229-253, 1997.

PERES, R. G. Análises e reflexões sobre o uso da RP como alternativa metodológica para o ensino de química no ensino técnico. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Química) – Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015.

PORLÁN, R.; MATÍN, J. El diário del professor: un recurso para la investigación em el aula. 4. ed. Sevilla/ESP: Díada, 1994. (Colección Investigación y Enseñaza, Serie Práctica).

POZO, J. I. (org.). A solução de problemas: aprender a resolver, resolver para aprender. Porto Alegre: Artmed, 1998.

SANTOS, A. B. RP como prática de ensino de funções inorgânicas. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Química) – Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

SILVA, E. A. Articulação entre RP e a temática drogas como proposta metodológica para o ensino de química. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Exatas) – Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, 2017.

SIQUEIRA, V. F. RP na formação de professores de ciências da natureza: aspectos pedagógicos e metodológicos. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Exatas) – Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, 2018.

SOARES, M. T. C., PINTO, N. B. Metodologia da Resolução de Problemas. In: REUNIÃO ANPED, 24., 2001. Disponível em: http://24reuniao.anped.org.br/tp1.htm. Acesso em: 15 maio 2019.

SOUZA. R. L. L. Formação continuada dos professores e professoras do município de Barueri: compreendendo para poder atuar. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

SOUZA, S. C.; DOURADO, L. Aprendizagem baseada em problemas (ABP): um método de aprendizagem inovador para o ensino educativo. HOLOS, Natal, Ano 31, v. 5. p. 182-200, 2015. Doi: 10.15628/holos.2015.2880.

VALENTE, V. A.; ALMEIDA, M. E. B.; GERALDINI, A. F. S. Metodologias ativas: das concepções às práticas em distintos níveis de ensino. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v. 17, n. 52, p. 455-478, 2017. Doi: 10.7213/1981-416X.17.052.DS07.

WATTS, M. The science of problem-solving-a pratical guide for science teachers. London: Cassell, 1991.

WILSEK, M.; TOSIN, J. Ensinar e aprender ciências no ensino fundamental com atividades investigativas através da RP. Dia a Dia e Educação, Curitiba, v. 3, n. 5, 2012.

ZULIANI, S. R. Q. A; ÂNGELO, A. C. D. A utilização de metodologias alternativas: o método investigativo e a aprendizagem de química. In: NARDI, R. (org.). Educação em ciências: da pesquisa à prática docente. São Paulo: Escrituras, 2001. p. 69-80.

Publicado
2020-01-22
Como Citar
SIQUEIRA, V. F.; GOI, M. E. J.; VARGAS, J. P.; ELLENSOHN, R. M. Produção de situações-problema em curso de extensão universitária por professores de Ciências da Natureza dos anos finais e ensino médio da rede básica de ensino. Revista Em Extensão, v. 18, n. 2, p. 34-55, 22 jan. 2020.
Seção
Artigos Originais