Biocerrado

troca de saberes agroecológicos na agricultura familiar

  • Edmar Isaias de Melo Universidade Federal de Uberlândia
  • Luis Fernando Vieira da Silva Universidade Federal de Uberlândia
  • José Vieira Filho Universidade Federal de Uberlândia
  • Larissa de Souza Bortolo Universidade Federal de Uberlândia
Palavras-chave: Princípios agroecológicos, Agricultura orgânica, Extensão universitária, Sustentabilidade

Resumo

O grupo de pesquisa e extensão em Recursos Naturais e Agrícolas (RENAGRI) da Universidade Federal de Uberlândia, campus Monte Carmelo, tem desenvolvido projetos de extensão que buscam incentivar agricultores familiares na produção agroecológica e orgânica, além do reaproveitamento de resíduos. O trabalho objetivou relatar as experiências de construção de saberes relacionadas à temática reaproveitamento de resíduos, produção de biofertilizante e qualidade de solo, com agricultores familiares, em transição agroecológica do município de Monte Carmelo, MG. O estudo de campo apresentado neste artigo contribuiu para que os agricultores vivenciassem práticas agroecológicas que os distanciassem do modelo convencional de produção e ampliassem sua inserção no modelo baseado em sistemas de produção sustentáveis, que equilibram interesses sociais, econômicos e ambientais. Ao mesmo tempo, foram evidenciadas atividades da agricultura orgânica como uma estratégia na promoção da qualidade de vida e de valores sociais no ambiente da agricultura familiar. Já os alunos de graduação, que participaram direta ou indiretamente, puderam vivenciar experiências de conhecimentos significativos trazidos pelos agricultores que se fundiram ao conhecimento científico, o que contribuiu na formação do perfil dos graduandos, com foco na sustentabilidade, trabalho coletivo e humanizado dentro dos saberes da agroecologia

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edmar Isaias de Melo, Universidade Federal de Uberlândia

Doutor em Química Analítica pela Universidade Federal de Uberlândia, Minas Gerais, Brasil; professor adjunto 3
na Universidade Federal de Uberlândia, campus Monte Carmelo, Minas Gerais, Brasil.

Luis Fernando Vieira da Silva, Universidade Federal de Uberlândia

Mestrando em Agronomia na Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, campus de
Jaboticabal, São Paulo, Brasil

José Vieira Filho, Universidade Federal de Uberlândia

Graduando em Agronomia na Universidade Federal de Uberlândia, campus Monte Carmelo, Minas Gerais,
Brasil 

Larissa de Souza Bortolo, Universidade Federal de Uberlândia

Graduanda em Agronomia na Universidade Federal de Uberlândia, campus Monte Carmelo, Minas Gerais,
Brasil

Referências

ALMEIDA, M. V. R.; OLIVEIRA T. S.; BEZERRA, A. M. E. Biodiversidade em sistemas agroecológicos no município de Choró, CE, Brasil. Ciência Rural, Santa Maria, v. 39, n. 4, 2009. Doi: 10.1590/S0103-84782009005000047.

ARAÚJO, A. S. F.; MONTEIRO, R. T. R. Indicadores biológicos de qualidade do solo. Biosci. J., Uberlândia, v. 23, p. 66–75, 2007.

ARAUJO, J. D. S. S. Eficiência de biofertilizantes no crescimento, produção e qualidade da produção da bananeira nanica em neossolo flúvico. 2012. 79f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Centro de Ciências Humanas e Agrárias, Universidade Estadual da Paraíba, Campina Grande, 2012.

BLAIR, G. J.; LEFROY, R. D. B.; LISLE, L. Soil carbon fractions based on their degree of oxidation, and the development of a carbon management index for agricultural systems. Australian Journal of Agricultural Research, Oxford, v. 46, n. 7, p. 1.459-1.466, 1 out. 1995.

CAPORAL, R. R.; COSTABEBER, J. A. Agroecologia: alguns conceitos e princípios. Brasília: MDA/SAF/DATER-IICA, 2004.

DIONÍSIO, J. A. et al. (org.). Guia prático de biologia do solo. Curitiba: SBCS: NEPAR, 2016.

FREITAS, ALAIR; FREITAS, ALAN. Os alicerces sociopolíticos do cooperativismo de crédito rural solidário na Zona da Mata de Minas Gerais. Revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, v. 51, n. 3, p. 434-454, 2013. Doi: 10.1590/S0103-20032013000300002

GONÇALVES, P. A. S.; WERNER, H.; DEBARBA, J. F. Avaliação de biofertilizantes, extratos vegetais e diferentes substâncias alternativas no manejo de tripes em cebola em sistema orgânico. Horticultura Brasileira, Recife, v. 22, n. 3, p. 659-662, 2004. Doi: 10.1590/S0102-05362004000300033.

GUIMARÃES, P. T. G.; ALVAREZ, V. H.; RIBEIRO, A. C. Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais: 5ª aproximação. Viçosa: Editora da UFV, 1999.

LEOW, C. W. et al. A review on application of microorganisms for organic waste management. Chemical Engineering Transactions, Milão, v. 63, p. 85-90, 2018.

LORENZETTI, E. R.; MARTINS;, R. C.; ARAÚJO, W. L. de P. Práticas agroecológicas em operações do Projeto Rondon do Instituto Federal Sudeste de Minas Gerais, Campus Rio Pomba. Extensio, Florianópolis, v. 13, n. 21, p. 3-11, 2016. Doi: 10.5007/1807-0221.2016v13n21p3.

MARQUES, R.; JAHNEL, M. C. Respiração microbiana como indicador da qualidade do solo em ecossistema florestal. Floresta, Curitiba, v. 35, n. 1, p. 117-127, 2005. Doi: 10.5380/rf.v35i1.2435.

MEDEIROS, M. B. de; WANDERLEY, P. A.; WANDERLEY, M. J. A. Biofertilizantes líquidos. Biotecnologia Ciência & Desenvolvimento, Brasília, v. 31, p. 38-44, 2003.

MOURA, A. F.; LIMA, M. G. A reinvenção da roda: roda de conversa, um instrumento metodológico possível. Temas em Educação, João Pessoa, v. 23, n. 1, p. 98-106, 2014. Doi: 10.22478/ufpb.2359-7003

NGUYEN, T. T.; MARSCHNER, P. Soil respiration , microbial biomass and nutrient availability in soil. Pedosphere, v. 27, n. 1, p. 76-85, 2017. Doi: 10.1016/S1002-0160(17)60297-2.

NUNES, R. da S.; VIEIRA, L. A. Contribuição da extensão universitária para a autonomia do estudante. Em Extensão, Uberlândia, v. 11, n. 2, p. 118-125, 2012.

VICENTINI, L. S.; CARVALHO, K.; RICHTER, A. S. Utilização de microorganismos eficazes no preparo da compostagem. Cadernos de Agroecologia, v. 4, n. 2, 2009.

VITAL, A. F. M. et al. Compostagem de resíduos sólidos orgânicos e produção de biofertilizante enriquecido. Revista Saúde & Ciência Online, Campina Grande, v. 7, n. 2, p. 339-351, 2018.

Publicado
2019-09-18
Como Citar
DE MELO, E. I.; SILVA, L. F. V. DA; FILHO, J. V.; BORTOLO, L. DE S. Biocerrado. Em Extensão, v. 18, n. 1, p. 9-33, 18 set. 2019.
Seção
Artigos Originais