Máscara e mascaramentos femininos

Palavras-chave: Época primitiva, Mascaramento feminino, Tatuagem, Máscara neutra, Sartori, Lecoq

Resumo

Partindo dos grafites rupestres encontrados em uma gruta do deserto do Tassili n’Ajjer (Saara), considerado um exemplo de mascaramento estético feminino, será traçado um percurso histórico crítico que pretende percorrer as diferentes tipologias de mascaramento presentes nas diversas partes e culturas do mundo. Das máscaras funerárias às máscaras utilizadas para adquirir poder e qualidade de forças sobrenaturais, da tatuagem à escarificação e deformação estética, para então debruçar-se de modo particular sobre o mascaramento feminino. Este último tem um papel de extrema importância, por exemplo, para os ritos de iniciação das adolescentes ao status de mulheres nas tribos dos Mende, Terrine e Sherbro, que habitam as fronteiras entre Serra Leoa e a Libéria; ou nos casos das mulheres islâmicas que utilizam o véu (haïk na tradição argelina, chador no Irã, burqa no subcontinente indiano). Será, enfim, analisada a fundamental contribuição, no âmbito teatral e artístico, de Jacques Lecoq, Amleto Sartori e Donato Sartori graças a invenção da máscara neutra.

Partendo dai graffiti rupestri rinvenuti in una grotta del deserto del Tassili n’Ajjer (Sahara), dove è presente un chiaro esempio di mascheramento estetico femminile, verrà tracciato un percorso storico-critico che vuole ripercorrere le differenti tipologie di mascheramento presenti nelle diverse parti e culture del mondo. Dalle maschere funerarie alle maschere utilizzate per acquisire potere e qualità di forze soprannaturali, dal tatuaggio alla sacrificazione e deformazione estetica, per poi soffermarsi in particolar modo sul mascheramento femminile. Quest’ultimo ha un ruolo di estrema importanza, ad esempio, per i riti d’iniziazione delle adolescenti allo status di donne nelle tribù dei Mende, Terrine e Sherbro, che abitano il confine tra Sierra Leone e la Liberia; oppure nel caso del delle donne islamiche che utilizzano il velo (haik nella tradizione algerina, chador in Iran, burqa nel subcontinente indiano…). Verrà infine analizzato il fondamentale contributo, in ambito teatrale ed artistico, apportato da Jacques Lecoq, Amleto Sartori e Donato Sartori grazie all’invenzione della maschera neutra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paola Piizzi, Museo Internazionale della Maschera Amleto e Donato Sartori

Paola Piizzi Sartori (Paola Piizzi) é artista, arquiteta, fundadora e artífice, com Donato Sartori, do Universo Sartori, dirige em Abano Terme (Itália), o Museo Internazionale della Maschera Amleto e Donato Sartori e, com Sarah Sartori, tutela e promove o projeto de desenvolvimento e difusão da extraordinária e única Coleção Sartori. Outras informações podem ser acessadas em: http://www.sartorimaskmuseum.it/. Contato: info@sartorimaskmuseum.it

Eduardo De Paula, Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

José Eduardo De Paula (Eduardo De Paula): Professor Adjunto no Curso de Teatro e no Programa de pós-graduação em Artes Cênicas do Instituto de Artes da Universidade Federal de Uberlândia (PPGAC/IARTE/UFU). Contato: edu.edepaula@gmail.com

Márcia Chiamulera, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Márcia Chiamulera: Professora Adjunta no Departamento de Artes Cênicas da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Contato: marciachiamu@gmail.com

Publicado
2020-07-27
Como Citar
Piizzi, P., De Paula, E., & Chiamulera, M. (2020). Máscara e mascaramentos femininos. OuvirOUver, 16(1), 12-15. https://doi.org/10.14393/OUV-v16n1a2020-53840