TRADUÇÃO, ADAPTAÇÃO E CENSURA EM LIBRETOS PORTUGUESES E BRASILEIROS

  • Paulo Mugayar Kühl UNICAMP
Palavras-chave: Libreto. Tradução. Censura. Século XVIII. Século XIX.

Resumo

O artigo trata da maneira como alguns libretos italianos foram adaptados e traduzidos para o português, no repertório português e brasileiro do final do século XVIII e início do século XIX. O objetivo é mostrar como a atenção dos adaptadores voltou-se para detalhes aparentemente sem importância, revelando um cuidado especial com o texto e com o público para o qual as obras foram apresentadas. Além disso, são examinadas algumas traduções e suas relações com as convenções poéticas dos libretos italianos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Mugayar Kühl, UNICAMP
Paulo Mugayar Kühl é professor do Instituto de Artes da UNICAMP desde 1993. Bacharel em Filosofia (Universidade de São Paulo-USP, 1987), Mestre em História da Arte e da Cultura (UNICAMP, 1992), Doutor em História (USP, 1998).
Publicado
2008-03-13
Como Citar
Kühl, P. M. (2008). TRADUÇÃO, ADAPTAÇÃO E CENSURA EM LIBRETOS PORTUGUESES E BRASILEIROS. OuvirOUver, 1(1). Recuperado de http://www.seer.ufu.br/index.php/ouvirouver/article/view/425
Edição
Seção
Artigos