Compartilhar para revelar a prática dos narradores de passagem em hospitais

Palavras-chave: Narradores de histórias, Narradores de passagem, Hospital, Performance

Resumo

Dada a importância em compartilhar a atuação de voluntários como narradores de histórias de passagem em hospitais, este artigo revela experiências do encontro narrativo em hospitais. Com base em relatos de narradores do projeto, ouvintes (pacientes, acompanhantes e equipe profissional de saúde) e pensadores como Walter Benjamin, Bruno Bettelheim, Hampatê Bà, Rachel Remen e o idealizador do projeto Luis Alberto de Abreu será feita uma síntese de intenções e ações dos narradores com a perspectiva de uma arte performática pautada na percepção poética, na oralidade e nas interfaces com a prática narrativa em sua função social.  

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mônica Roberta Antonio, Centro de Estudos e Pesquisa em Educação, Cultura e Ação Comunitária - CENPEC, SP, Brasil

Mônica Roberta Antonio é narradora de histórias em hospitais, Mestre em Artes (UNESP) e Especialista em Cuidados Integrativos pela Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP. Coordenou o Instituto Narradores de Passagem onde desenvolveu e implementou projetos sociais. Atualmente é coordenadora regional no projeto “Educação com Arte” da Fundação CASA pelo CENPEC Educação.

Publicado
2020-07-24
Como Citar
Antonio, M. R. (2020). Compartilhar para revelar a prática dos narradores de passagem em hospitais. OuvirOUver, 16(1), 218-228. https://doi.org/10.14393/OUV-v16n1a2020-41298