DUAS MIRADAS: O NAVEGANTE E O CONDUTOR DO NAVIO. REFLEXÕES SOBRE O WEBSITE DA REDE INTERNACIONAL DE PESQUISADORES IMAGENS, GEOGRAFIAS E EDUCAÇÃO1

  • Ingrid Rodrigues GON Graduanda do Bacharelado em Gestão de Políticas Públicas da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da Universidade de São Paulo (USP).
  • Valéria CAZETTA Professora da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da Universidade de São Paulo (USP). Possui graduação/ licenciatura em Geografia, mestrado e doutorado na mesma área.
Palavras-chave: corpo háptico, trabalho de campo, arquitetura da informação

Resumo

Buscamos demonstrar neste exercício de escrita, a maneira como o Miragem - Grupo de Pesquisa em Culturas Visuais e Experimentações Geográficas -, Pólo São Paulo (EACH-USP), da Rede Imagens, Geografias e Educação, tem conduzido seu website. Propomos um exercício que experimente as metáforas do navegante e do condutor do navio, bem como o agenciamento de duas diferentes linguagens, que chamamos ao longo do texto de "gramáticas": a arquitetura da informação e as atenções do cartógrafo no trabalho de campo. A utilização da cartografia como linguagem mediadora neste texto, busca aproximar pesquisadores da Rede, ao Wix (plataforma administrativa do referido website). Para tal, propomos a invenção de um corpo háptico, que deslize pelas experiências sugeridas. Descrevemos a elaboração de uma estratégia de hospitalidade aos navegantes da página do Pólo SP, produzida a partir da experiência de condução do referido site-navio. A conjugação concomitante das duas "gramáticas" pode potencializar os planos de hospitalidade, de modo a transmutar o referido website em uma potente "máquina de horizontes", que leve em conta os aspectos processuais e criativos de cada Pólo da Rede.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-07-12