Nova: Uma revista velha

  • Patrícia Conceição Silva UFBA
  • Tess Chamusca Pirajá UFBA

Resumo

O restrito padrão do feminino veiculado na revista Nova, a construção ocultada pela aparente naturalidade da categoria mulher, bem como quem ela contempla ou exclui são questões discutidas nesse artigo. Para tal, ana- lisamos o conteúdo (textos e imagens) de seis edições do primeiro semestre de 2008, tendo como referencial teórico autores filiados à Teoria Queer.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Conceição Silva, UFBA
Jornalista, Mestranda do Programa Multidisciplinar de Pós-graduação em Cultura e Sociedade da Universidade Federal da Bahia, faz parte do grupo de pesquisa em Cultura e Sexualidade (CUS), que integra as linhas de pesquisa do CULT.
Tess Chamusca Pirajá, UFBA
Jornalista, Mestranda do Programa Multidisciplinar de Pós-graduação em Cultura e Sociedade da Universidade Federal da Bahia.
Publicado
2012-02-22
Seção
Dossiê: Gênero, Cultura e Arte