Pensamento social regional e a questão de gênero na obra de Anita Moser

  • Caroline Laíza Negherbon FURB
  • Luciana Butzke FURB

Resumo

O presente estudo abordou vida e obra da socióloga catarinense Anita Moser que pesquisou as condições de trabalho das mulheres camponesas que migraram para a indústria têxtil na cidade de Rodeio (SC) de 1970. Seu livro, A nova submissão, mostra, a partir de narrativas femininas, como o discurso de independência feminina pelo trabalho na indústria cede lugar à uma inserção social subordinada pela produção e consumo.

PALAVRAS-CHAVE: : Pensamento Social. Desenvolvimento. Gênero. Vale do Itajaí. Anita Moser.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Caroline Laíza Negherbon, FURB

Licenciada em ciências sociais, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional/FURB

Luciana Butzke, FURB

Cientista social, doutora em Sociologia Política, professora da FURB

Publicado
2020-02-29
Seção
Artigos