Afetos e memórias: a trajetória de Maria Clara Tomaz Machado em perspectiva

  • Artur Nogueira Santos e Costa

Resumo

Este texto foi escrito para ser apresentado no Seminário “Clareando caminhos: cultura popular, memórias e identidades no fazer acadêmico”, realizado na Universidade Federal de Uberlândia, em novembro de 2018, em homenagem à professora Maria Clara Tomaz Machado em razão de sua aposentadoria. Discuto elementos da trajetória de Maria Clara a partir da leitura de sua produção intelectual, com foco na questão do ofício do historiador, do patrimônio cultural e da cultura popular.

Palavras-Chave: Trajetória profissional. Memórias. Ofício do historiador.

 

ABSTRACT:

This text was written to be presented at the Seminar "Clearing ways: Popular Culture, Memories and Identities in Academic Achievement", held at the Federal University of Uberlândia, in November 2018, in honor of the teacher Maria Clara Tomaz Machado due to her retirement. I discuss elements of Maria Clara's trajectory from the reading of her intellectual production, focusing on the question of the office of historian, cultural heritage and popular culture.

Keywords: Professional trajectory. Memoirs. Office of the historian.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Artur Nogueira Santos e Costa

Professor no Instituto de Ciências Humanas, curso de História, da Universidade Federal de Uberlândia.

Publicado
2019-09-19
Seção
Relato de Experiência