A sedução da Psicanálise nas páginas das Revistas Femininas Cláudia e Nova de 1970-1990

  • Dulcina Tereza Bonati Borges

Resumo

O presente trabalho visa captar os processos psicológicos subjetivos do movimento de modernização, a partir de uma pesquisa em artigos recolhidos nas Revistas Cláudia e Nova, entre as décadas de 1970-1990, tendo em vista as transformações ocorridas quanto aos valores ético-morais, nessa fase de grandes mudanças sociais. Trata-se de perceber como os discursos das Psicologias e da Psicanálise entram no campo constituído pela mídia, especificamente direcionados para orientar o comportamento feminino, erigindo-se como guia norteador na resolução dos conflitos pessoais e sexuais e da crise da identidade feminina.

PALAVRAS-CHAVE: Revistas Femininas. Modernização. Subjetivação.

 

ABSTRACT

The presente work aims at capturing the subjective psychological processes of the modernization movement, based on a research on articles collected in the Cláudia and Nova Magazines between the 1970s and 1990s, in view of the transformations that have occurred regarding ethical and moral values social change. It is a question of perceiving how the discourses of Psychology and Psychoanalysis enter into the field constituted by the media, specifically directed to orient the female behavior, erecting itself as guiding guide in the resolution of the personal and sexual conflicts and the crisis of the feminine identity.

KEYWORDS: Women´s Magazines. Modernization. Subjectivation.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dulcina Tereza Bonati Borges

Doutora em História Cultural pela Universidade Federal de Uberlândia, 2011. Pesquisadora   do  Núcleo de Estudos de Gênero - NEGUEM/UFU.

Publicado
2019-09-19
Seção
DOSSIÊ: Revistas femininas em debate (Brasil e Portugal no século XX)