"No me olvide": memória, gênero e violência na narrativa fílmica de <i>La teta asustada</i>

  • Renata Santos Maia Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

Resumo 

A proposta deste artigo é problematizar, a partir do filme La teta asustada(2009), questões pertinentes às relações de gênero e raça/etnia na construção social da memória; tem por finalidade, ainda, funcionar como ferramenta política de denúncia das diversas formas de violência a que os corpos femininos são submetidos e, ao mesmo tempo, servir para a divulgação da produção cinematográfica das mulheres.

Palavras-chave: Gênero. Raça/Etnia. Cinema Latino-Americano. Violência.

"Don't forget me": memory, gender and violence in the film narrative of The Milk of Sorrow

Abstract The proposal of this article is to problematize, using the film The Milk of Sorrow (2009), questions pertinent to the relations of gender and race / ethnicity in the social construction of memory; is also intended to serve as a political tool for denouncing the various forms of violence against which women's bodies are subjected and, at the same time, disseminate the women's cinematographic production. Keywords: Gender. Race/Ethnicity. Latin American Cinema. Violence.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Santos Maia, Universidade Federal de Santa Catarina
Renata Santos Maia é doutoranda em História Cultural pela Universidade Federal de Santa Catarina
Publicado
2018-10-30
Seção
DOSSIÊ