SUFRÁGIO À BRASILEIRA: uma leitura Pós-Colonial do Feminismo no século XIX

  • Rebecca Corrêa e Silva Universidade Federal de Santa Catarina
  • Joana Maria Pedro Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

Resumo

O presente estudo discute as relações entre feminismo e positivismo na obra teorias da modernidade e da pós-modernidade. Buscamos analisar a contribuição do pensamento de Nísia para a emancipação das mulheres no Brasil, ao mesmo tempo em que procuramos localizar as origens do movimento feminista brasileiro à luz do atual referencial teórico das abordagens pós-coloniais feministas do Sul global. Desta forma, entendemos que um dos caminhos possíveis para a compreensão do surgimento do feminismo no Brasil passa de Nísia Floresta, intelectual e defensora dos direitos da mulher brasileira no século XIX. Trata-se de uma pesquisa embasada em revisão bibliográfica que intenta estabelecer um diálogo entre as pela revisão das formas de apropriação das ideias de matriz europeia naquele período, tais como o feminismo e o positivismo.

Palavras-chave: Feminismo. Positivismo. Pós-colonialismo.


BRAZILIAN SUFFRAGE: an overview of postcolonial feminism in the nineteenth century

Abstract

This article presents Nísia Floresta Ìs work, an intellectual scholar and advocate of the Brazilian woman rights in the nineteenth century, regarding the relation between feminism and positivism. Considering as an initial survey, based on bibliographic revision of dialogues with modernity and post-modern theories, we used authors that focused on feminism history of the "first wave" in Brazil. At the same time, we searched about the position of Brazilian feminism origins via the Latin-American theoretical background from the post-colonialist feminist approaches, by South global. Therefore, we recognize that one of the possible paths in understanding the Brazilian feminism of the "first wave" entails the review of appropriation of ideas based on the European origins, such as feminism and positivism.

Keywords: Feminism. Positivism. Post-colonialism. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rebecca Corrêa e Silva, Universidade Federal de Santa Catarina
Doutoranda do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas - Universidade Federal de Florianópolis (UFSC) bolsista da CAPES;Possui Mestrado em Gestão Cultural pela Universidade do Algarve - PT(2013), e graduação em Licenciatura Artes Visuais pela Universidade Federal de Pelotas (2009),
Joana Maria Pedro, Universidade Federal de Santa Catarina
Possui graduação em História pela Universidade do Vale do Itajaí (1972), mestrado em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (1979) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (1992). Fez pós-doutorado na França, na Université d'Avignon, entre 2001 e 2002. Foi Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em História entre 1993 e 1995, Diretora do Centro de Filosofia e Ciências Humanas entre 1996 e 2000, Coordenadora do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas entre 2008 e 2012, Pró-Reitora de Pós-Graduação entre 2012 e 2016. Atualmente é professora titular da Universidade Federal de Santa Catarina.
Publicado
2017-01-26
Seção
DOSSIÊ