"NA CASA DOS OUTROS": mulher, doméstica e migrante? A soma das desigualdades femininas

  • Guélmer Junior Almeida Faria Universidade Estadual de Montes Claros-UNIMONTES
  • Maria da Luz Alves Ferreira Universidade Estadual de Montes Claros-MG UNIMONTES
  • Andrea Maria Narciso Rocha de Paula Universidade Estadual de Montes Claros-MG UNIMONTES

Resumo

Resumo

O artigo trata do trabalho doméstico como manifestação das experiências de mulheres na migração de comunidades rurais de mulheres para atuar no trabalho doméstico nas casas das famílias de classe média e alta nas cidades. Em termos metodológicos o artigo apresenta uma pesquisa qualitativa realizada com entrevistas. Verifica-se o trabalho doméstico e as migrações rurais-urbanas de mulheres como expressão da soma das desigualdades e parte do ciclo histórico de desigualdade estruturante e discriminação sistêmica a partir de um campo de análise baseado em interseccionalidades.

Palavras-chave: Desigualdades. Trabalho Doméstico. Migrações Rurais-Urbanas. Mulheres. Interseccionalidades.

"IN THE HOUSE OF OTHERS": woman, domestic and migrants? A sum of female inequalities

Abstract

The article seeks to highlight the housework as an effect of experienced inequalities in women's migration from rural communities to urban domestic labor in middle-class family houses. Methodologically the paper discusses a qualitative research conducted by interviews. The rural-urban migration seen as an expression of the sum of inequalities and historical cycle of structural inequality and systemic discrimination is an object within a field of analysis based on intersectionalities.

Keywords: Housework. Rural-urban migration. Women. Intersectionalities. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Guélmer Junior Almeida Faria, Universidade Estadual de Montes Claros-UNIMONTES
Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Social da Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES), Mestre em Desenvolvimento Social pela Universidade Estadual de Montes Claros (2014), Bacharel em Economia Doméstica pela Universidade Federal de Viçosa (2008). Bolsista de Doutorado CAPES (2015), Revisor dos Periódicos: Revista Elo - Diálogos em Extensão (UFV), Revista Espaço Acadêmico (UEM) e Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação (UNESP), Atualmente é Especialista Colaborador em projetos de Extensão Universitária e Professor Convidado no Instituto de Ciências Agrárias da UFMG (ICA/UFMG). Tem experiência na área de Desenvolvimento Social, atuando principalmente nos seguintes temas: trabalho doméstico, gênero, sociologia das migrações, estudos sobre redes migratórias, extensão rural, extensão universitária.
Maria da Luz Alves Ferreira, Universidade Estadual de Montes Claros-MG UNIMONTES
Possui doutorado em Ciencias Humanas (Sociologia e Política) (2007), pela UFMG, e mestrado em Sociologia pela Universidade de Brasília (2000). Atualmente é professora do Curso de Ciências Sociais e do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Social da Universidade Estadual de Montes Claros. Área de atuação: Sociologia, com ênfase em Teoria Sociológica Contemporânea, atuando principalmente nos seguintes temas: trabalho informal, cidadania e relações de gênero, estratificação e desigualdaes sociais: raça, gênero e classe. Exerceu o cargo de Chefe de Departamento de Política e Ciencias Sociais da UNIMONTES no bienio de 2007 - 2009 tendo sido reeleita para o bienio 2009-2011.
Andrea Maria Narciso Rocha de Paula, Universidade Estadual de Montes Claros-MG UNIMONTES
Professora doutora no curso de Ciências Sociais, lotada no Departamento de Política e Ciências Sociais (DPCS) da Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES- MG). Docente no Programa de Pós Graduação em Desenvolvimento Social. Professora no Programa de Pós Graduação associado UFMG/UNIMONTES em Sociedade, Ambiente e Território. Bolsista de produtividade BIPDT- Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais/FAPEMIG. Líder do grupo de pesquisa OPARA- Estudos e pesquisas sobre comunidades tradicionais no Rio São Francisco/Unimontes- CNPq. Coordenadora da Câmara CSA (Ciências Sociais Aplicadas) da FAPEMIG (Fundação de Amparo à Pesquisa de MG), responsável pela análise, julgamento e recomendação dos pleitos apresentados a este órgão. Doutora em Geografia pelo PPGEO-IG-UFU (2009). Estágio realizado no CES- Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra na Faculdade de Economia sobre a orientação do professor Boaventura de Sousa Santos em Coimbra ? Portugal ( 2008) com bolsa da CAPES. Mestrado em Geografia na Universidade Federal de Uberlândia- Instituto de Geografia (2003). Bacharel em Ciências Sociais, pela Universidade Estadual de Montes Claros. Especialista em Ciências Sociais pela UNIMONTES. Experiência em Geografia Cultural e Sociologia e Antropologia rural, metodologia qualitativa, atuando principalmente nos seguintes temas: espaço, lugar e as comunidades tradicionais ribeirinhas, migrações campo-cidade, sertões roseanos.Pesquisadora CNPq e FAPEMIG.
Publicado
2017-01-26
Seção
DOSSIÊ