"MAIS QUE ISSO EU NÃO POSSO FALÁ": NOTAS SOBRE BENZEDURAS E PARTEIRAGENS CAIÇARA EM GUARAQUEÇABA/PR

  • José Carlos Muniz UFPR Setor Litoral
  • Luiz Everson da Silva UFPR Setor Litoral
Palavras-chave: povos tradicionais, medicina Caiçara, benzedores e parteiras.

Resumo

Este estudo aborda a sabedoria de povos tradicionais, presentes em sua oralidade, evidenciados nas práticas de benzedores e parteiras, com base em dados empíricos recolhidos por este autor, imerso em sua própria cultura, a partir de convivência familiar e comunitária em comunidades caiçaras e remanescentes quilombolas no município de Guaraqueçaba/PR. Em constante desuso, estas práticas tradicionais, de parteiras e benzedores e seus conhecimentos das ervas com uso medicinal, acabam relegados frente a avanços da própria medicina, por exemplo, predominando na perca da identidade cultural da região. Neste sentido, buscando dar visibilidade, valorização e reconhecimento destes saberes, intrínseco na relação cultura-natureza, os depoimentos individuais aqui presentes se configuram como parte da história coletiva destas populações, pois sua oralidade possibilita o oferecimento de espaço à estes detentores de conhecimentos, contribuindo também com o fortalecimento de suas identidades culturais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Carlos Muniz, UFPR Setor Litoral
Licenciado em História. Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável (UFPR Setor Litoral, 2015/17).
Luiz Everson da Silva, UFPR Setor Litoral
Doutor em Química. Professor do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável
Publicado
2016-12-16
Como Citar
MUNIZ, J. C.; DA SILVA, L. E. "MAIS QUE ISSO EU NÃO POSSO FALÁ": NOTAS SOBRE BENZEDURAS E PARTEIRAGENS CAIÇARA EM GUARAQUEÇABA/PR. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, v. 12, n. 23, p. 31 - 43, 16 dez. 2016.
Seção
Artigos