A tradução literária como locus para uma reflexão sobre a influência dos discursos coloniais a partir da análise de Sleepwalking Land

  • Iá Niani Belo Maia Universidade Estadual da Paraíba
  • Sinara de Oliveira Branco Universidade Federal de Campina Grande
Palavras-chave: Tradução Literária, Estratégias de Tradução, Cultura

Resumo

O objetivo do presente artigo é discutir as estratégias utilizadas na tradução da obra Terra Sonâmbula para o inglês, Sleepwalking Land. Posto que a escrita de Mia Couto se realiza enquanto modo de ruptura de uma lógica ocidental, evidenciada no caráter contraventor de suas narrativas, procuramos observar de que forma o tradutor lidou com algumas especificidades linguísticas presentes em Terra Sonâmbula. Em seguida, direcionamos a análise para a apreciação da importância cultural nos Estudos da Tradução, buscando compreender como os elementos locais da cultura moçambicana foram transpostos para o contexto da língua inglesa em Sleepwalking Land, a partir das estratégias de domesticação e estrangeirização, discutidas por Venuti (1995), e das tendências deformadoras na tradução literária, apresentadas por Berman (2012). Os resultados demonstram que a estratégia de domesticação foi predominante em Sleepwalking Land, causando a mitigação das significâncias culturais presentes em Terra Sonâmbula. Quanto à estratégia de estrangeirização, a análise aponta para um processo de ressignificação cultural não menos coercitivo, uma vez que contribui para a perpetuação de estereótipos e compromete a simetria da inter-relação cultural

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Iá Niani Belo Maia, Universidade Estadual da Paraíba
Doutoranda em Literatura e Interculturalidade na Universidade Estadual da Paraíba, mestra em Linguagem e Ensino pela Universidade Federal de Campina Grande e graduada em Letras (Tradução) pela Universidade Federal de Pernambuco. No âmbito da formação acadêmica, atua como revisora, tradutora e professora de língua inglesa. Dedica-se aos Estudos de Tradução, com foco particular nos processos culturais e indentitários da tradução literária.
Sinara de Oliveira Branco, Universidade Federal de Campina Grande
Publicado
2016-08-26
Como Citar
MAIA, I. N. B.; BRANCO, S. DE O. A tradução literária como locus para uma reflexão sobre a influência dos discursos coloniais a partir da análise de Sleepwalking Land. Domínios de Lingu@gem, v. 10, n. 3, p. 957-976, 26 ago. 2016.