Gramática e texto literário na gênese da disciplina escolar Português

  • Rejane Rodrigues Almeida de Medeiros UFSCar - Universidade Federal de São Carlos
Palavras-chave: Gramática, texto literário, gênese da disciplina escolar Português

Resumo

O estabelecimento de relações entre gramática e texto literário no ensino de língua é bastante remoto, sendo observado já na Grécia Antiga, quando os autores gregos, principalmente Homero, passaram a servir de modelo de perfeição linguística. No ensino ministrado pelos jesuítas no Brasil Colônia, os textos em latim de autores clássicos greco-romanos e de alguns padres da Igreja, além de servirem como modelos de composição, eram tomados como exemplos de aplicação das regras gramaticais prescritas na gramática latina. Essa prática de ensino de língua, que relaciona gramática e texto literário, pode ser observada ainda no currículo do curso secundário brasileiro do século XIX, no qual as literaturas brasileira e portuguesa, sendo alçadas ao patamar das literaturas clássicas, figuram como exemplos de bom uso da língua portuguesa. O objetivo deste artigo é analisar as relações entre gramática e texto literário na gênese da disciplina escolar Português, bem como traçar um breve histórico da institucionalização do ensino do vernáculo, a partir da análise do Ratio studiorum, ou método pedagógico dos jesuítas, da legislação fixada no âmbito das reformas pombalinas dos estudos menores, e dos programas de ensino do século XIX do Colégio Pedro II.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rejane Rodrigues Almeida de Medeiros, UFSCar - Universidade Federal de São Carlos
Doutanda e bolsista da CAPES. Desenvolve pesquisa de doutorado junto ao Programa de Pós-Graduação em Linguística da UFSCar - Universidade Federal de São Carlos.
Publicado
2015-12-30
Como Citar
MEDEIROS, R. R. A. DE. Gramática e texto literário na gênese da disciplina escolar Português. Domínios de Lingu@gem, v. 9, n. 4, p. 14-42, 30 dez. 2015.