CRESCIMENTO URBANO E EXPERIÊNCIA SUBURBANA EM LISBOA - O CASO DA AMADORA (1960-1974)

  • João Pedro Silva Nunes Universidade Federal de Uberlândia
Palavras-chave: Lisboa e Portugal, Subúrbio, Experiência Suburbana e Significação, Serviços Públicos

Resumo

Este artigo analisa os efeitos do crescimento urbano na experiência suburbana das populações residentes num importante subúrbio de Lisboa na década de 1960 e 1970. Situa o caso da Amadora no processo de suburbanização da capital portuguesa e dá conta do modo como, nesses anos, aquela vila passa de subúrbio industrial e residencial a cidade suburbana. Através da imprensa da época reconstitui a crise de crescimento urbano que então se verificava, relacionando-a com a urbanização, com os serviços públicos e com o governo local. No final discute-se a relação entre a experiência e a economia política urbana e o seu contributo para a compreensão e explicação de diferentes simbólicas suburbanas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Pedro Silva Nunes, Universidade Federal de Uberlândia
Publicado
2013-03-08