Imigração, escola e construção nacional: algumas notas sobre a República Argentina

Main Article Content

Xosé Manuel Malheiro Gutiérrez

Resumo

A população que forma a o fim de século na Argentina é uma enxurrada de culturas, línguas e influências ideológicas que a estrutura política do novo Estado procura padronizar e consolidar sob um sentimento identitário que necessariamente deve começar pela formação na escola. Este trabalho apresenta algumas anotações sobre a tendência de diferentes grupos de imigrantes em manter e preservar a sua identidade no seu destino através das suas próprias experiências educativas e nas próprias estratégias do Estado para criar instrumentos legislativos que ajudem a construir um sentido de pertença, inerente à formação de um novo cidadão no novo período político pós-colonial. Em ambos os aspectos da mesma realidade, a escola desempenha um papel fundamental.


 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Gutiérrez, X. M. M. (2018). Imigração, escola e construção nacional: algumas notas sobre a República Argentina. Cadernos De História Da Educação, 17(3), 855-882. https://doi.org/10.14393/che-v17n3-2018-14
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Xosé Manuel Malheiro Gutiérrez, Universidade da Coruña (Espanha)

Doutor en Filosofía e Ciencias da Educación (Pedagoxía) pola Universidade de Santiago de Compostela. Profesor do Departamento de Pedagoxía e Didáctica da Universidade da Coruña (Espanha). E-mail: jose.malheirog@udc.gal. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-5992-9522.