Manuais Pedagógicos em Comparação: Cours Pratique de Pédagogie, de Daligault (1851), e Compêndio de Pedagogia, de B. J. M. Cordeiro (1874)

Main Article Content

José Carlos Souza Araujo

Resumo

O objeto dessa investigação é de caráter comparativo, e envolve dois manuais pedagógicos, destinados à formação docente, que vieram a público no Brasil na segunda metade do século XIX, um de origem francesa, e o outro brasileira. Serão privilegiadas as concepções de Educação, ângulo teórico da Pedagogia, neles presentes. Seus autores são, pela ordem, Jean-Baptiste Daligault e Braulio Jayme Muniz Cordeiro. Tais manuais serão enfocados como expressões singulares da Pedagogia da Essência, através da vertente humanista cristã, mas encontram-se assentados em relações culturais, políticas, religiosas, educacionais e escolares. De um lado, são singulares em relação à totalidade social, constituindo-se como compartilhantes do processo de formação e qualificação docente no Brasil, àquela altura ainda através das escolas de primeiras letras; de outro, em termos de totalidade social, estão radicados em concepções fundadas na Antropologia, na Ética, na Metafísica de caráter teológico, na Política, no Civismo, na Teologia, na Pedagogia, porém demarcadas pela visão de mundo cristã.
Palavras-chave: Pedagogia. Manuais Pedagógicos. Formação de Professores. Escolas Normais. Teorias Pedagógicas.

Abstract
The object of this research is a comparative one, and involves two pedagogical manuals, destined to the teacher formation, that came to public in Brazil in the second half of the nineteenth century, one of French origin, and the other Brazilian. The conceptions of Education, theoretical angle of Pedagogy, present in them will be privileged. Its authors are, in order, Jean-Baptiste Daligault and Braulio Jayme Muniz Cordeiro. These manuals will be focused as singular expressions of Essay Pedagogy, through the Christian humanist side, but are based on cultural, political, religious, educational and school relations. On the one hand, they are singular in relation to the social totality, constituting themselves as sharers of the process of teacher training and qualification in Brazil, at that time still through the schools of first letters; on the other, in terms of social totality, are rooted in concepts based on Anthropology, Ethics, Metaphysics of theological character, Politics, Civics, Theology, and Pedagogy, but demarcated by the Christian worldview.
Keywords: Pedagogy. Pedagogical Manuals. Teacher training. Normal Schools. Pedagogical Theories.
Resumen
El objeto de esta investigación es una comparación entre dos manuales pedagógicos destinados a la formación docente, los cuales vieron la luz en Brasil en la segunda mitad del siglo XIX, uno de origen francés y otro brasileño. Serán privilegiadas las concepciones sobre Educación y la visión teórica de la Pedagogía presentes en ellos. Sus autores son, por orden, Jean-Baptiste Daligault y Braulio Jayme Muniz Cordeiro. Tales manuales serán enfocados como expresiones singulares de la Pedagogía de la Esencia, a través de la vertiente humanista cristiana, pero encontrándose asentados en las relaciones culturales, políticas, religiosas, educacionales y escolares. De un lado, son singulares con respecto a la totalidad social, constituyéndose como participantes del proceso de formación y calificación docente en Brasil, entonces todavía a la altura de las primeras letras; de otro lado, en términos de totalidad social, están anclados en concepciones fundamentadas en la Antropología, la Ética, la Metafísica de carácter teológico, en la Política, el Civismo, la Teología, la Pedagogía y por eso demarcadas en la visión cristiana del mundo.
Palabras-claves: Pedagogía. Manuales Pedagógicos. Formación de Profesores. Escuelas Normales. Teorías Pedagógicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Araujo, J. C. S. (2018). Manuais Pedagógicos em Comparação: Cours Pratique de Pédagogie, de Daligault (1851), e Compêndio de Pedagogia, de B. J. M. Cordeiro (1874). Cadernos De História Da Educação, 17(1), 101-115. https://doi.org/10.14393/che-v17n1-2018-7
Seção
Dossiê: Manuais escolares, mediações tecnológico-pedagógicas da Escola Moderna
Biografia do Autor

José Carlos Souza Araujo, Universidade Federal de Uberlândia

Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Campinas. Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Uberaba. Professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Uberlândia. E-mail: jcaraujo.ufu@gmail.com