EDUCADORAS MISSIONÁRIAS NA PROVÍNCIA DE SÃO PAULO EM FINAIS DO SÉCULO XIX: FRAGMENTOS DE SUA PASSAGEM PELA EDUCAÇÃO ESCOLAR

Main Article Content

Jane Soares de Almeida

Resumo

Nos anos finais do século XIX a Província de São Paulo contava, além das escolas públicas, particulares e católicas, com as escolas americanas protestantes fundadas pelos missionários norte-americanos. Essas escolas passaram a fazer parte da oferta de ensino regular num sistema escolar que tentava firmar-se na educação paulista e chegaram mesmo a destacar-se no cenário nacional, sendo reconhecidas pelas autoridades brasileiras, colaborando na construção da cultura, nacionalidade e identidade do País. Ao ressaltarem a necessidade de educação para as mulheres e o magistério feminino como forma de elevação moral e espiritual, de acordo com seus preceitos religiosos, e instituírem a coeducação dos sexos, descortinaram uma nova perspectiva educacional, diferente da pregada pelos colégios católicos e até mesmo pelo ensino público.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Almeida, J. S. de. (2013). EDUCADORAS MISSIONÁRIAS NA PROVÍNCIA DE SÃO PAULO EM FINAIS DO SÉCULO XIX: FRAGMENTOS DE SUA PASSAGEM PELA EDUCAÇÃO ESCOLAR. Cadernos De História Da Educação, 12(1). Recuperado de http://www.seer.ufu.br/index.php/che/article/view/22904
Seção
Artigos