Uma análise da função e estrutura dos textos consolatórios de Sêneca

  • Erick Messias Costa Otto Gomes Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Goiás.
Palavras-chave: Consolatória, Sêneca, preceitos, retórica.

Resumo

Sêneca se valeu da epístola como suporte para escrever e divulgar suas consolatórias aos destinatários e outros leitores, haja vista a abordagem da condição específica do consolado e, ao mesmo tempo, a recomendação de conselhos filosóficos gerais em seus textos. Ademais, tais textos foram estruturados a partir de estratégias retóricas, as quais permitiriam, a partir de uma elaboração textual, comunicar a narrativa com uma função social. O uso da retórica na consolatio senequiana se fundamenta no uso de preceitos e exemplos e tem como objetivo persuadir o leitor-ouvinte à mudança, à prática da filosofia. Nesse artigo, iremos bordar esses dois pontos: a consolatória senequiana como epístola e a estrutura geral desses textos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-09-17
Seção
Dossiê: A instituição retórica e a sua longa duração