"Maloqueiro e sofredor": memórias, identidades e oralidades de uma torcida de futebol

  • João Manuel Casquinha Malaia Santos
  • Alex Lopes Granja
Palavras-chave: Memória, Identidade, História Oral, Futebol

Resumo

O presente artigo tem por objetivo compreender como os torcedores buscam guardar em suas memórias acontecimentos que reforcem os elementos identitários do grupo a que pertencem. A ideia desta pesquisa foi a de tratar, não apenas de criar fontes por meio de entrevistas, mas a de usar o próprio canto da torcida como fonte oral que carrega consigo aspectos da identidade do grupo. Trabalhamos com os conceitos de identidade e memória e com a metodologia da história oral, comparando a letra de um cântico com as entrevistas, que versam sobre as percepções sobre a identidade do clube e sobre suas memórias, tanto individuais quanto as compartilhadas com os demais torcedores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Manuel Casquinha Malaia Santos
1João Manuel Casquinha Malaia Santos. Graduado em História/USP. Doutor em História Econômica/USP. Pós-Doutor em História Comparada/UFRJ. Universidade de São Paulo Professor vinculado ao Ludens- Núcleo Interdisciplinar de Estudos sobre Futebol e Modalidades Lúdicas. jmalaia@gmail.com.
Alex Lopes Granja
Alex Lopes Granja. Universidade Nove de Julho-SP. Graduado em Educação Física pela Uninove-SP. Mestrado em Gestão do Esporte pela Uninove-SP. lopeslelo@hotmail.com.
Publicado
2017-07-04
Seção
Artigo Livre