A coordenação política e a cooperação estratégica na área nuclear entre Brasil e Argentina

  • Ana Paula Silva

Resumo

O artigo analisa a consolidação da coordenação política e da cooperação estratégica entre Brasil e Argentina na área nuclear iniciado na década de 1980 e consolidado na década seguinte. Faz-se um exame das políticas interna e externa exercida por ambos os países, considerando ainda aspectos importantes da política regional e global, e de que maneira foram implantados os mecanismos para o estabelecimento da cooperação, baseada na assinatura de uma série de acordos e declarações conjuntas, dentre os quais se destaca a criação e funcionamento da Agência Brasileiro-Argentina de Contabilidade e Controle de Materiais Nucleares (ABACC).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2012-03-08
Seção
Dossiê: Cultura e Política no Brasil República: entre práticas e representações