Arqueologia da questão agrária no Brasil: do labor grabbing ao land grabbing / Archeologie de la question agraire au Bresil: du labor grabbing au land grabbing

Main Article Content

Cássio Arruda Boechat
Carlos de Almeida Toledo
Ana Carolina Gonçalves Leite

Resumo

O artigo procura repensar a trajetória histórica de constituição das regiões no Brasil por meio de uma dupla conceituação acerca dos procedimentos de expropriação, centrados ora na escravidão (labor grabbing) ora na apropriação privada da terra (land grabbing). Por este meio, retoma-se criticamente autores clássicos que lidaram com a formação nacional, propondo alternativamente lidar com a modernização através da noção de autonomização do capital. Com isso, espera-se produzir uma abordagem teórica sobre a constituição da questão agrária no Brasil como decorrente do processo que, por meio da integração nacional, busca tratar a região como problema a ser solucionado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Boechat, C. A., Toledo, C. de A., & Leite, A. C. G. (2019). Arqueologia da questão agrária no Brasil: do labor grabbing ao land grabbing / Archeologie de la question agraire au Bresil: du labor grabbing au land grabbing. CAMPO - TERRITÓRIO: REVISTA DE GEOGRAFIA AGRÁRIA, 13(31 Dez.). https://doi.org/10.14393/RCT133103
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Cássio Arruda Boechat, Universidade Federal do Espírito Santo/Departamento de Geografia/ Programa de Pós-graduação em Geografia

Professor do Departamento de Geografia e do Programa de Pós-graduação em Geografia da Universidade Federal do Espírito Santo. Tradutor e sociólogo, é mestre e doutor em Geografia Humana pela USP.

Carlos de Almeida Toledo, Universidade de São Paulo/ Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Professor do Departamento de Geografia e do Programa de Pós-graduação em Geografia Humana, da FFLCH/USP.

Ana Carolina Gonçalves Leite, Universidade Federal do Espírito Santo/ Programa de Pós-graduação em Geografia

Professora e pesquisadora do Programa de Pós-graduação em Geografia, do CCHN/UFES. Bolsista do PNPD/Capes.