A PRODUÇÃO DE ALTERNATIVAS AGROENERGÉTICAS E A QUESTÃO DA TERRA EM MOÇAMBIQUE: a Provincia de Manica/THE PRODUCTION OF AGRO-ENERGY ALTERNATIVES AND THE ISSUE OF LAND IN MOZAMBIQUE: Manica Province

Main Article Content

Jose Maria Do Rosário Chilaule Langa
Jose Gilberto De Souza
Rosangela Aparecida de Medeiros Hespanhol

Resumo

A utilização do agrocombustível é vista como alternativa energética, porém, são muitos os problemas causados com o modelo utilizado na produção deste combustível normalmente baseado em sistemas de "monoculturas". Um estudo sobre a produção de agrocombustíveis em Moçambique significa perceber o "território como apropriação", constituído de relações sociais fundadas sobre as diferenças de poder. Neste sentido, esta investigação apresenta uma visão sobre o processo de produção de agrocombustíveis em Manica, província do centro de Moçambique, analisando as transformações de uso e ocupação da terra, como dinamismo de homogeneização de sistemas produtivos e seus desdobramentos sobre o valor da terra; o valor de produção; a concentração fundiária e as relações institucionais no que se refere a posse e ao "mercado de terras". Para tal utilizou-se os seguintes conceitos basilares de análise: Estado, Território e Desenvolvimento Local. A análise tem como centralidade verificar como o agronegócio dos agrocombustíveis apropria-se do território, considerando que em Moçambique a terra é propriedade do Estado.
Palavras Chaves: mercados de terra, agronegócio, agrocombustíveis, propriedade privada, Moçambique-Manica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Langa, J. M. D. R. C., De Souza, J. G., & Hespanhol, R. A. de M. (2013). A PRODUÇÃO DE ALTERNATIVAS AGROENERGÉTICAS E A QUESTÃO DA TERRA EM MOÇAMBIQUE: a Provincia de Manica/THE PRODUCTION OF AGRO-ENERGY ALTERNATIVES AND THE ISSUE OF LAND IN MOZAMBIQUE: Manica Province. CAMPO - TERRITÓRIO: REVISTA DE GEOGRAFIA AGRÁRIA, 8(15). Recuperado de http://www.seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/19768
Seção
Artigos