A (RE)PRODUÇÃO DO ESPAÇO URBANO NA PORÇÃO SUL DE PARAÍSO DO TOCANTINS - TO

Main Article Content

Adão Francisco de Oliveira
Renato Silva Reis

Resumo

Este artigo tem por objetivo analisar o processo de (re)produção do espaço urbano na região sul de Paraíso do Tocantins, reconhecendo os condicionantes do fenômeno e seus agentes de produção. Para tanto, estabelece uma ampla revisão bibliográfica especializada, dialogando, fundamentalmente, com as teorias da produção social do espaço e da reprodução do espaço urbano. Compreende-se que a expansão urbana especulativa e segregadora que ocorre atualmente no município de Paraíso do Tocantins se explica por um conjunto de fatores interligados, dos quais se destacam o fato de ser o município situado no eixo da BR-153 mais próximo da capital Palmas, bem como de sua proximidade com a plataforma multimodal da Ferrovia Norte-Sul no distrito de Luzimangues, do município de Porto Nacional. Conclui-se desse exercício interpretativo que a reprodução do espaço urbano numa cidade pequena obedece aos mesmos determinantes da acumulação capitalista com base na renda da terra de cidades médias e grandes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Seção
Artigos
Biografia do Autor

Adão Francisco de Oliveira, Universidade Federal do Tocantins - campus de Porto Nacional

Doutor em Geografia pelo IESA/UFG. Graduado em História e Mestre em Sociologia. Professor da graduação e pós-graduação em Geografia da UFT/Campus Porto Nacional.

Renato Silva Reis, Universidade Federal do Tocantins - campus de Porto Nacional

Graduado em Arquitetura e Urbanismo pela UFT e mestrando em Geografia pelo PPGG/UFT - campus de Porto Nacional.