TERRITÓRIO E POLÍTICAS PÚBLICAS EM UMA ABORDAGEM GEOGRÁFICA

Main Article Content

Paulo Henrique de Carvalho Bueno
Carlos Sait Pereira de Andrade

Resumo

Objetiva-se discutir de que modo o conceito de Território pode contribuir para a análise do ciclo das Políticas Públicas (formulação, implementação e avaliação), uma das evidências das contribuições da Geografia para esse campo temático. Argumenta-se que as espacializações e dinâmicas promovidas pelas Políticas Públicas no viver social se constituem o cerne da contribuição geográfica. Logo, ao promover novas (re)produções espaciais, concretizam-se, também, processos de territorialização, desterritorialização e reterritorialização (T-D-R), dado o caráter (i)material do território. Metodologicamente, a pesquisa se baseia em uma revisão bibliográfica sobre a temática, principalmente acerca das produções da Geografia sobre as Políticas Públicas e o conceito de Território. Políticas públicas consistem em decisões e ações voltadas à resolução dos problemas sociais por parte dos agentes estatais. No Brasil, tem havido diversas pesquisas geográficas sobre as Políticas Públicas, contudo é recente o interesse dos geógrafos pela temática. A implementação de uma Política Pública sobre o Território o dinamiza em função de que nesse processo há apropriação, controle e gestão do espaço-território por parte dos sujeitos envolvidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Seção
Artigos
Biografia do Autor

Paulo Henrique de Carvalho Bueno, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí - IFPI - Campus Oeiras.

Professor do IFPI - Campus Oeiras. Dr em Políticas Públicas - UFPI. Pós-doutorando em Geografia - PPGEO - UFPi

Carlos Sait Pereira de Andrade, Universidade Federal do Piauí

Dr. em Geografia - UFPE. Professor do Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFPI.