REFLEXÕES PARA UMA ABORDAGEM CRÍTICA DA PAISAGEM: VALOR E ESTÉTICA DAS MERCADORIAS URBANAS

Main Article Content

Gabriel Augusto Coêlho de Santana
Rodrigo Dutra Gomes

Resumo

Buscamos neste artigo desenvolver uma abordagem da paisagem pela qual seja possível compreender a materialidade das formas e as subjetividades de quem as interpretam como componentes da disputa dos agentes produtores do espaço urbano nas as cidades. Entendendo as paisagens como maneiras de ver, a construção desta abordagem crítica se realiza a partir de sua articulação com categorias como valor de uso, valor de troca, bem como o conceito de estética da mercadoria. Com o suporte desde conjunto de conceitos, pensamos as paisagens da cultura dominante como aquelas produzidas tendo a realização do valor de troca como finalidade, a partir da produção de paisagens como uma estética de mercadorias urbanas condizentes com os referentes ideológicos da cultura dominante; e paisagens da cultura popular, onde a perspectiva dos usos como a moradia e o trabalho se sobrepõem a busca pela obtenção do valor de troca. A partir da construção desta abordagem, discutimos um conflito que envolve a participação de moradores e moradoras, representantes do Estado e de agentes imobiliários no Recife.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Seção
Artigos
Biografia do Autor

Gabriel Augusto Coêlho de Santana, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Doutorando em Geografia pela Universidade Federal de Pernambuco (PPGEO - UFPE). Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Pernambuco (2018), atuando na linha de pesquisa "Produção e dinâmicas dos espaços metropolitanos e das cidades intermediárias". Graduado em Geografia - Licenciatura pela Universidade Federal de Pernambuco (2015).

Rodrigo Dutra Gomes, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Possui graduação em Geografia, Licenciatura e bacharelado pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2002), é Mestre (2005) e Doutor (2010) em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas -UNICAMP. Pós-doutorado - FAPESP (2011-2013).