AVALIAÇÃO DOS PARÂMETROS QUALI-QUANTITATIVOS DAS ÁGUAS DA BACIA HIDROGRÁFICA DO CÓRREGO MARIMBONDO, UBERLÂNDIA (MG)

Main Article Content

Juliana Gonçalves Santos
Luiz Antônio de Oliveira

Resumo

Esse trabalho tem por objetivo avaliar a os aspectos quali-quantitativos das águas da Bacia Hidrográfica do Córrego Marimbondo, localizada no município de Uberlândia, Minas Gerais. Para avaliar a disponibilidade hídrica foram instalados vertedouros triangulares, no qual foram feitas leituras de vazão durante um ano. Foram retiradas também, amostras de água em dois pontos nos córregos Marimbondo e Moreno para caracterização hidroquímica. A disponibilidade hídrica da bacia está diretamente associada à sazonalidade climática, sendo que, na estação chuvosa a vazão é maior, chegando a 46 m³/h, na nascente do Córrego Desconhecido. No período de estiagem, a drenagem superficial é mantida pela contribuição de água subterrânea, sendo a disponibilidade de água menor, 1,9 m³/h no Córrego dos Morenos. Em relação á vazão específica, a bacia mais eficiente em relação à produção hídrica foi o córrego Vazante com 23,38, seguida do córrego dos Morenos, com 15,96, e por último, o córrego Desconhecido, com 4,55 de vazão específica. A partir dos resultados da análise hidroquímica da água de dois pontos na bacia, a água pode ser classificada como bicarbonatada magnesiana cálcica. Não foram encontrados traços de resíduos de agrotóxicos ou outro contaminante nas amostras analisadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Seção
Artigos