IMPACTOS AMBIENTAIS NO RIO PARAÍBA NA ÁREA DO MUNICÍPIO DE CARAÚBAS - PB: REGIÃO CONTEMPLADA PELA INTEGRAÇÃO COM A BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO SÃO FRANCISCO

Main Article Content

Telma Lucia Bezerra Alves
Vera Lucia Antunes de Lima
André Aires de Farias

Resumo

A região semiárida do Nordeste do Brasil possui recursos hídricos superficiais escassos e mal distribuídos a nível espacial, devido especialmente às condições climáticas e geológicas adversas existentes na região. Este trabalho teve como objetivo analisar os impactos e danos ambientais sobre o Rio Paraíba, na área correspondente ao município de Caraúbas - PB, através da identificação e caracterização qualitativa dos impactos ambientais, utilizando-se o método de listagem descritiva "check-list" (lista de checagem). O check-list foi apresentado sob a forma de questionário, visando direcionar a avaliação e foram investigados dezoito elementos causadores de impactos e degradação ambiental. Os resultados mostraram que as águas do rio estão recebendo uma elevada carga orgânica, devido principalmente aos efluentes domésticos que não são tratados adequadamente, contaminando as águas superficiais e também as reservas hídricas subterrâneas. Os resíduos sólidos e os estabelecimentos agropecuários contribuem como outros fatores poluentes para o manancial, especialmente pelas atividades ligadas a um turismo insustentável e práticas agropecuárias mal planejadas. Os processos erosivos, construções de empreendimentos nas margens, barramento artificial no leito do rio e a expansão da espécie vegetal algaroba (Prosopis juliflora) na área, foram identificados como elementos impactantes para o ambiente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Seção
Artigos
Biografia do Autor

Telma Lucia Bezerra Alves, Universidade Federal de Campina Grande

Geógrafa, pela Universidade Estadual da Paraíba, Mestre em Recursos Naturais, pela Universidade Federal de Campina Grande, Doutoranda em Recursos Naturais - UFCG

Vera Lucia Antunes de Lima, Universidade Federal de Campina Grande

Professora do Departamento de Engenharia Agrícola - DEAg, Universidade Federal de Campina Grande, UFCG

André Aires de Farias, Universidade Federal de Campina Grande

Licenciado em Ciências Agrárias, Mestre em Recursos Naturais, Doutorando em Recursos Naturais na Universidade Federal de Campina Grande