NELSON WERNECK SODRÉ: UM HISTORIADOR MILITAR DE ESQUERDA NO LIMIAR DA RENOVAÇÃO CRÍTICA DA GEOGRAFIA

Marco Túlio Martins, Rita de Cássia Martins de Souza Anselmo

Resumo


Este artigo tem como proposta central a produção de Nelson Werneck Sodré titulada Introdução à Geografia: Geografia e Ideologia e a sua inserção na década de 1970 para o processo de renovação crítico da Geografia. Esta obra propicia a leitura do cenário em que a ciência geográfica se encontrava. Esta produção werneckiana aparece com um caráter denunciativo de como a Geografia estava sendo usada, não só no campo da ciência como também do próprio Estado brasileiro da época, para legitimar processos econômicos, sociais e, sobretudo, geopolíticos. Assim, pode ser considerada uma Introdução à Geografia às avessas, pois, esta não se restringe à análise de caráter inicial para entender a Geografia. A reflexão é construída por meio do resgate biográfico do autor, de sua obra e o contexto histórico no qual foi produzida. Resgatar-se-á não somente um período da história da Geografia, mas, algo que é mais amplo: o pensamento geográfico.

Palavras-chave


Pensamento Geográfico

Texto completo:

PDF