Algumas notas sobre o processo e a espacialização da verticalização urbana na cidade de Londrina: 1950-2000 - SOME NOTES ABOUT THE PROCESS AND THE ESPACIALIZATION OF URBAN VERTICALIZATION IN THE LONDRINA CITY: 1950-2000

Main Article Content

Carlos Cassemiro Casaril

Resumo

RESUMO: O principal objetivo deste artigo foi analisar o processo da produção vertical do espaço urbano da cidade média de Londrina, destacando a espacialização dos edifícios de 4 e mais pavimentos, junto a área urbana no período 1950-2000. Os dados da verticalização foram obtidos através de levantamentos junto ao Corpo de Bombeiros de Londrina, utilizando-se dos projetos contra incêndio, para complementação de algumas informações o levantamento prosseguiu junto à Prefeitura Municipal de Londrina e, para finalizar realizamos uma pesquisa através da Lista Telefônica da Editel e Classificados de Imóveis da Folha de Londrina e observações empíricas na cidade. Todavia, esses levantamentos deram origem a uma parte imprescindível de nossa pesquisa, referente aos edifícios com 4 e mais pavimentos, cujas datas correspondem à aprovação dos projetos no Corpo de Bombeiros e não necessariamente a data do Alvará ou Habite-se dos mesmos. A discussão do processo foi realizada levando em conta cinco períodos e a espacialização vertical foi constatada através de mapeamento que apresentou o total de 1.559 edifícios com 4 e mais pavimentos construídos durante 1950-2000.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Seção
Artigos
Biografia do Autor

Carlos Cassemiro Casaril, Doutorando em Geografia UFSC

Geógrafo formado pela UNIOESTE - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Campus de Francisco Beltrão - PR. Mestre em Geografia, Meio Ambiente e Desenvolvimento pela UEL - Universidade Estadual de Londrina - PR. Doutorando em Geografia pela UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente é bolsista Capes.