A urbanização do Brasil e as diferentes divisões territoriais do trabalho ao longo do tempo / THE URBANIZATION OF BRAZIL AND THE DIFFERENT TERRITORIAL DIVISIONS OF THE WORK ALONG THE TIME

Cintia Neves Godoi, João Batista de Deus

Resumo


Entender como os processos de urbanização vão se consolidando e vinculando interesses externos ao Brasil e, conseqüentemente, às diferentes divisões territoriais do trabalho ao longo do tempo se define como o objetivo deste artigo. Nossa hipótese trata o processo de urbanização como uma conseqüência de interesses voltados a uma divisão territorial do trabalho, ou seja, entendemos que a urbanização vai refletir, de forma geral, o projeto de produção mundial, nacional, regional ou local e, conseqüentemente, quanto mais transformadas as produções, quanto mais adensadas, mais complexas se tornam as redes urbanas e as redes de relações. Para compreender como a divisão do trabalho se processa no Brasil propusemos uma breve periodização do processo histórico relacionado às diferentes divisões territoriais do trabalho, buscando esta possibilidade tanto como um exercício metodológico, quanto como possibilidade de pensar a história do ponto de vista das relações do espaço ou que se estabeleceram no espaço. Os períodos históricos foram definidos com base na tradicional divisão da historia do Brasil em períodos que assumem, por fins didáticos, as divisões entre período Colonial, Monárquico, Primeira Republica, Estado Getulista, Experiência Democrática e Regime Militar associado à transição deste para a Democracia.

Palavras-chave


Urbanização

Texto completo:

PDF