Paisagem, cultura e identidade: os poloneses em Rio Claro do Sul , Mallet (PR)

Alcimara Aparecida Foetsch

Resumo


A presente pesquisa parte de uma abordagem humanístico-cultural - a fenomenologia, com contribuições específicas da arquitetura e da sociologia para analisar as ações, as relações, os significados e decodificar as simbologias que transformam os “espaços em “lugares. Apresenta-se uma discussão sobre paisagem, identidade cultural, “raça e etnicidade tendo como pano de fundo a comunidade do distrito de Rio Claro do Sul, Mallet – PR, de onde inicialmente foram destacados elementos arquitetônicos intimamente relacionados com a identidade étnica dos que habitam o lugar, marcadamente os poloneses, para em seguida traçar considerações sobre as imagens como portadoras de simbolismo e como fonte de dados para o despertar do imaginário, partindo finalmente para uma proposta de caracterização do que vem a ser a identidade étnica polonesa no distrito. Percebeu-se inicialmente uma perda e alteração de elementos arquitetônicos na paisagem, além da inserção de novos, de onde se procurou demonstrar as relações entre a imagem ambiental (dado) e sua contribuição para o imaginário (processo).

Texto completo:

PDF