Avifauna da Chácara Nova Jerusalém em Iporá, Estado de Goiás

  • Fernanda Afonso Arantes Fernandes Universidade Estadual de Goiás, UnU Iporá
  • Juliana Guimarães da Silva Universidade Estadual de Goiás, UnU Iporá
  • Daniel Blamires Universidade Estadual de Goiás

Resumo

Este estudo analisou a estrutura da comunidade de aves em uma localidade suburbana no município de Iporá, Estado de Goiás. Vinte e duas visitas quinzenais, entre Maio de 2012 a Abril de 2013 foram efetuadas, sendo os registros feitos em uma trilha no perímetro da área. Foram registradas 65 espécies. A riqueza estimada segundo Jackknife1=79,55 demonstrou que uma parcela significativa da avifauna local foi registrada. Houve um predomínio de espécies onívoras (43%) e de baixa sensitividade à antropização (73,8%), conforme esperado para localidades sinântropas. Entretanto, a ausência de espécies exóticas e a maior similaridade avifaunística com outra área fisionomicamente similar ligada à paisagem urbana por estradas vicinais (similaridade Ochiai= 0,74) evidenciam o aspecto suburbano da Chácara. Novos estudos futuramente serão importantes para esclarecer vários aspectos sobre comunidades de aves em localidades antropizadas, seja em Iporá ou em outros municípios goianos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Afonso Arantes Fernandes, Universidade Estadual de Goiás, UnU Iporá
Licenciada em Biologia pela Universidade Estadual de Goiás, UnU Iporá.
Juliana Guimarães da Silva, Universidade Estadual de Goiás, UnU Iporá
Graduanda em licenciatura em biologia. Universidade Estadual de Goiás, UnU Iporá.
Daniel Blamires, Universidade Estadual de Goiás
Mestre em biologia - modalidade ecologia -, e doutor em ciências ambientais pela UFG-Goiânia. Professor efetivo da UEG-Iporá, em regime de dedicação exclusiva.
Publicado
2015-06-30