Omissão de macronutrientes no crescimento e no estado nutricional de plantas de repolho cultivado em solução nutritiva

  • Cíntia Carla Avalhães
  • Renato de Mello Prado
  • Liliane Maria Romualdo
  • Danilo Eduardo Rozane
  • Marcus André Ribeiro Correia

Abstract

Dada a importância do repolho, destacando-se dentre as brássicas pelo alto consumo, aliada à escassez de pesquisas que relatem sintomatologia de desordens nutricionais na cultura, realizou-se o trabalho com o objetivo de avaliar o efeito da omissão de macronutrientes no desenvolvimento e no estado nutricional do repolho, assim como descrever sintomas visuais de deficiência nutricional. O experimento foi conduzido em casa de vegetação da UNESP, Campus de Jaboticabal, SP. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com sete tratamentos, que corresponderam à solução completa (macro e micronutrientes) e à omissão individual de N, P, K, Ca, Mg e S, com três repetições, sendo uma planta por parcela. Avaliou-se a altura das plantas, número de folhas, área foliar, matéria seca da parte aérea, das raízes e planta inteira, teores dos macronutrientes da parte aérea e raízes, e descrição das desordens nutricionais. As omissões individuais de N, P, K, Ca e Mg foram limitantes para o crescimento vegetativo do repolho, reduzindo consideravelmente a altura das plantas, o número de folhas, área foliar e matéria seca da parte aérea, raízes e planta inteira. Foram observados sintomas de deficiência nutricional de cada elemento. Os teores dos macronutrientes na parte aérea do tratamento completo e com omissão dos nutrientes foram, respectivamente, N = 31,0 - 11,9; P = 5,3 - 0,60; K = 63,5 - 4,8; Ca = 25,9 - 4,8; Mg = 5,2 - 0,5; S = 10,3 - 1,4 g kg-1.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2009-10-30
How to Cite
Carla Avalhães, C., de Mello Prado, R., Romualdo, L. M., Rozane, D. E., & Ribeiro Correia, M. A. (2009). Omissão de macronutrientes no crescimento e no estado nutricional de plantas de repolho cultivado em solução nutritiva . Bioscience Journal, 25(5). Retrieved from http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6977
Section
Agricultural Sciences