Classificação de populacões de milho quanto a eficiência e resposta ao uso de fósforo em solos naturais de cerrado

  • Rodrigo Ribeiro Fidélis UFT
  • Flávio Sérgio Afferri UFT
  • Joênes Mucci Peluzio UFT
  • Gil Rodrigues dos Santos UFT
  • Eduardo Andrea Erasmo Lemus UFT

Abstract

O objetivo do presente trabalho foi selecionar genótipos mais eficientes na absorção e utilização de fósforo em solos naturais de cerrado. O ensaio foi constituído de quarenta e cinco tratamentos e foi conduzido na área Experimental da Universidade Federal do Tocantins, Campus Universitário de Gurupi. Para simular ambientes com baixo e alto nível de fósforo, foram utilizadas doses de 25 e 113 kg ha-1 de P2O5 no plantio, respectivamente. Para identificar os cultivares adequados aos ambientes, utilizou-se a metodologia proposta por Fageria e Kluthcouski (1980), que sugerem a classificação dos cultivares quanto à eficiência no uso e resposta a aplicação do fósforo. Concluiu-se que os genótipos eficientes na absorção e utilização de fósforo e responsivos ao incremento de P foram UFVM77-0389, UFVM77-0365, UFVM77-0319, UFVM77-0329, UFVM77-0331 e UFVM77-0343.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Rodrigo Ribeiro Fidélis, UFT
Professor Adjunto I, Universidade Federal de Uberlandia, Faculdade de Agronomia
Flávio Sérgio Afferri, UFT
Professor Adjunto II, Universidade Federal de Uberlandia, Faculdade de Agronomia
Joênes Mucci Peluzio, UFT
Professor Adjunto II, Universidade Federal de Uberlandia, Faculdade de Agronomia
Gil Rodrigues dos Santos, UFT
Professor Adjunto II, Universidade Federal de Uberlandia, Faculdade de Agronomia
Eduardo Andrea Erasmo Lemus, UFT
Professor Adjunto I, Universidade Federal de Uberlandia, Faculdade de Agronomia
Published
2008-09-17
How to Cite
Ribeiro Fidélis, R., Sérgio Afferri, F., Mucci Peluzio, J., Rodrigues dos Santos, G., & Andrea Erasmo Lemus, E. (2008). Classificação de populacões de milho quanto a eficiência e resposta ao uso de fósforo em solos naturais de cerrado. Bioscience Journal, 24(3). Retrieved from http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6771
Section
Artigos