Disponibilidade de silicio em diferentes fontes

  • Hamilton Seron Pereira UFG
  • Gaspar Henrique Korndorfer UFU
  • Caroline Borges dos Reis UFU
  • Gilberto Fernandes Correa UFU

Abstract

Um método de extração de silício (Si) em fontes contendo este elemento foi desenvolvido visando quantificar o Si potencialmente aproveitável pelas plantas. O método baseia-se na dissolução dos materiais contendo Si em meio alcalino usando Na2CO3 + NH4NO3 como extrator. Para este estudo foram utilizados diferentes tempos de agitação (1, 3, 6 e 12 horas), diferentes concentrações do extrator (10 + 16 g dm-3, 30 + 48 g dm-3, 50 + 80 g dm-3 e 100 + 160 g dm-3 de Na2CO3 + NH4NO3 respectivamente) e diferentes tempos de contato da solução extratora com o fertilizante (1h, 1, 2, 5, 9, 14 e 21 dias), para avaliar a melhor condição de extração. Simultaneamente, foi conduzido um experimento em casa de vegetação, com o cultivo de arroz inundado e com a aplicação de 125 kg ha-1 de Si total, utilizando 12 diferentes fontes de Si. O tempo de agitação de 3 horas se mostrou superior estatisticamente aos demais, mas o tempo de agitação não foi fundamental na determinação do Si quando se comparou sua liberação em função do tempo de repouso. As concentrações de 10 + 16 g dm-3 e 30 + 48 g dm-3 de Na2CO3 + NH4NO3 mostraram-se as mais promissoras na extração de Si; por isso a menor concentração (10 + 16 g dm-3) foi escolhida para avaliar as fontes quanto ao tempo de repouso. Durante o período de repouso, verificou-se que todas as fontes apresentaram aumento na liberação de Si ao longo do tempo, sendo que entre os dias 5 e 9 foi o período que apresentou melhor correlação entre o Si extraído pelo arroz e o Si recuperado na análise das várias fontes. A extração de Si com Na2CO3 + NH4NO3 das fontes contendo Si representa elevado grau de confiabilidade do potencial de liberação deste elemento no solo e aproveitamento pelas plantas.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2006-04-20
How to Cite
Pereira, H. S., Korndorfer, G. H., dos Reis, C. B., & Correa, G. F. (2006). Disponibilidade de silicio em diferentes fontes. Bioscience Journal, 20(2). Retrieved from http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6513
Section
Artigos