Physiology and yield of piel de sapo melon (Cucumis melo L.) under water deficit in semi-arid region, Brazil

  • Alberto Soares de Melo Universidade Estadual da Paraíba
  • Vandeir Gouveia Dias Universidade Estadual da Paraíba
  • Wellison Filgueiras Dutra Universidade Federal da Paraíba
  • Alexson Filgueiras Dutra Universidade Estadual Paulista, Campus de Jaboticabal (FCAV/UNESP)
  • Francisco Vanies da Silva Sá UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO
  • Marcos Eric Barbosa Brito Universidade Federal de Sergipe
  • Pedro Roberto Almeida Viégas Universidade Federal de Sergipe
Keywords: Fruits yield, Gas exchange, Photochemical efficiency

Abstract

Melon (Cucumis melo L.) is a crop of great socioeconomic importance in regions with semiarid climate, as found in Northeast Brazil. In this region water deficit is a usual condition as well as the main reduction factor of plant productivity. Due to this phenomenon, irrigation techniques are used to make available the amount of water needed for plant production. Therefore, this research evaluated the physiology and fruit production changes of ‘Juazeiro’ Piel de sapo melon plants under different water replacement rates. ‘Juazeiro’ melon was grown under four reference evapotranspiration replacement rates (40, 60, 80 and 100% of ETo) distributed randomly in blocks with 5 replicates. The plants were cultivated in the field, in an experimental area located in the Brazilian Northeast region, under hot and dry semiarid climatic conditions, and during the growing cycle the ‘Juazeiro’ hybrid melon plants were evaluated for leaf area, biomass accumulation, gas exchange, photochemical efficiency of photosystem PSII and production of fruits per plant. Application of water replacement rates of 100% ETo leads to highest growth, net photosynthesis, and fruit yield of 'Juazeiro' melon. Water replacement at 80% ETo can be used for ‘Juazeiro” melon under semiarid climatic conditions, but with small losses in fruit yield. Water replacement below 80% ETo leads to drastic reductions in growth, gas exchanges, quantum efficiency of photosystem II and fruit yield, which impairs melon production in semi-arid climate environments.

 

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Alberto Soares de Melo, Universidade Estadual da Paraíba

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Viçosa (1994), mestrado em Ciências Agrárias pela Universidade Federal da Bahia (1999) e doutorado em Recursos Naturais pela UFCG (2007). Foi bolsista de Desenvolvimento Científico e Tecnológico do CNPq e Professor de Fruticultura, Agricultura I e Olericultura da Universidade Federal de Sergipe, lotado no Departamento de Engenharia Agronômica. É professor Associado da Universidade Estadual da Paraíba; atualmente é coordenador e docente do Programa de Pós-graduação em Ciências Agrárias da UEPB/Embrapa Algodão. É bolsista do CNPq - PQ 2 desde 2014. Tem experiência na área de Agronomia/Engenharia Agrícola, atua nos seguintes temas: Ecofisiologia de Plantas Cultivadas em Ecossistema do Semiárido, Manejo de Irrigação em Fruticultura Tropical e Culturas Anuais, com ênfase no Uso Eficiente da Água e de Elicitores no Mecanismo do Estresse Hídrico.

Vandeir Gouveia Dias, Universidade Estadual da Paraíba

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal da Paraíba - Centro de Ciencias Agrarias (2011) e mestrado em CIÊNCIAS AGRÁRIAS pela Universidade Estadual da Paraíba (2014) .

Wellison Filgueiras Dutra, Universidade Federal da Paraíba

Graduado em Ciências Agrárias pela Universidade Estadual da Paraíba. Mestre em Ciências Agrárias pela Universidade Estadual da Paraíba / Embrapa Algodão, linha de pesquisa Agricultura Familiar e Sustentabilidade. Doutor em Agronomia (Agricultura Tropical) pela Universidade Federal da Paraíba, linha de pesquisa em Biotecnologia, Melhoramento e Proteção de Plantas Cultivadas. Durante a graduação foi bolsista de iniciação científica e membro do grupo de pesquisa do Setor Experimental do Laboratório de Ecofisiologia Vegetal. Integrou, ainda, o grupo de pesquisa do Laboratório de Ecofisiologia de Plantas Cultivadas (ECOLAB), durante o mestrado, e o grupo de pesquisa do Laboratório de Biotecnologia da Embrapa Algodão, durante o doutorado. Ao longo da vida acadêmica acumulou experiência nos seguintes tópicos: Relações hídricas no sistema solo-planta-atmosfera; Gestão da irrigação em fruteiras, oleaginosas e hortaliças; e Tolerância ao déficit hídrico, com ênfase em Fisiologia, Bioquímica e Produção de plantas cultivadas no Semiárido brasileiro.

Alexson Filgueiras Dutra, Universidade Estadual Paulista, Campus de Jaboticabal (FCAV/UNESP)

Licenciado em Ciências Agrárias (2010) e Mestre em Ciências Agrárias (2012) (UEPB/Embrapa Algodão), ambos pela Universidade Estadual da Paraíba. Doutor em Agronomia (Ciência do Solo) pela Universidade Estadual Paulista, Campus de Jaboticabal (FCAV/UNESP). Possui experiência na área de Ciências Agrárias com ênfase em fisiologia de plantas cultivadas, relações solo-água-planta em cultivos nas condições edafoclimáticas do semiárido, cultivos hidropônicos de hortaliças, adubação e nutrição de olerícolas e biofortificação agronômica de hortaliças com destaque para o incremento de micronutrientes e Selênio nas culturas.

Francisco Vanies da Silva Sá, UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO
Engenheiro Agrônomo pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG (2015),Técnico em agropecuária pela Escola Agrotécnica do Cajueiro - Universidade Estadual da Paraíba - UEPB (2009). Atualmente faz mestrado em Manejo de Solo e Água na Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA). Atua em pesquisa na área de Manejo e Conservação de Solo e Água ( Salinidade, Irrigação, Adubação e manejo de Corretivos) e suas atribuições nos aspectos Fitotécnicos (Emergência e crescimento inicial, Morfofisiologia, Comportamento hormonal, Nutrição e produtividade) de plantas cultivadas e nativas da Caatinga.
Marcos Eric Barbosa Brito, Universidade Federal de Sergipe

Possui graduação em Engenharia Agronômica, pela Universidade Federal de Sergipe (2005), Mestrado e Doutorado em Engenharia Agrícola, pela Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, finalizados em 2007 e 2010, respectivamente, ambos na área de concentração de Irrigação e Drenagem. Foi coordenador do curso de Agronomia da Unidade Acadêmica de Ciências Agrárias, UAGRA, do Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar, CCTA, da UFCG, durante o período de janeiro de 2010 a dezembro de 2015, foi professor da UAGRA/CCTA/UFCG na área de Engenharia Rural, onde lecionou as disciplinas de Irrigação e Drenagem e Hidráulica Agrícola no curso de Agronomia de 2008 até 2017. Atualmente é bolsista de produtividade do CNPq, sendo consultor Ad hoc deste órgão, é professor Associado I da Universidade Federal de Sergipe (UFS), Campus do Sertão, lotado no Núcleo de Graduação em Agronomia. Ademais, é professor permanente do curso de Pós-Graduação em Recursos Hídrico (PRORH) da UFS. Faz parte de equipes de pesquisa junto a Universidade Estadual da Paraíba, a Embrapa Mandioca e Fruticultura e a Embrapa Meio Norte, mantendo parcerias importantes para o desenvolvimento de pesquisas no semiárido. Tem experiência na área de Engenharia Agrícola, com ênfase em Engenharia de Água e Solo, atuando, principalmente, nos seguintes temas: Ecofisiologia e produção de culturas irrigadas; manejo sustentável da água no sistema solo-planta-atmosfera, produção de mudas e cultivo de citros sob irrigação com águas de qualidade inferior.

Pedro Roberto Almeida Viégas, Universidade Federal de Sergipe

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (1987), Mestrado em Fitotecnia pela Universidade Federal de Viçosa (1991), Doutorado em Fitotecnia (Produção Vegeta/Nutrição mineral de plantas) pela Universidade Federal de Viçosa (1997) e Pós-Doutorado (2014) na Universidade da Flórida (Fertilidade do solo no RCREC/IFAS/University of Florida), por meio do programa Ciências sem Fronteiras/CAPES. Atualmente, é professor Titular da Universidade Federal de Sergipe/Departamento de Engenharia Agronômica. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Nutrição Mineral de Plantas, fisiologia vegetal e fruticultura tropical, atuando, principalmente, nos seguintes temas: abacaxi, banana, maracujá e mamão, nutrição mineral de plantas e produção de mudas.

Published
2020-03-19
How to Cite
Melo, A. S. de, Dias, V. G., Dutra, W. F., Dutra, A. F., Sá, F. V. da S., Brito, M. E. B., & Viégas, P. R. A. (2020). Physiology and yield of piel de sapo melon (Cucumis melo L.) under water deficit in semi-arid region, Brazil. Bioscience Journal, 36(4). https://doi.org/10.14393/BJ-v36n4a2020-48168
Section
Agricultural Sciences